sicnot

Perfil

Economia

Rendimento das famílias sobe 0,1% na zona euro no 2º trimestre

O rendimento real per capita do agregado familiar na zona euro aumentou 0,1% no segundo trimestre de 2015, face ao período homólogo de 2014, e depois de ter crescido 0,9% entre janeiro e março, divulgou hoje o Eurostat.

© Andrea Comas / Reuters

Ainda segundo o gabinete oficial de estatísticas da União Europeia (UE), o consumo per capita das famílias estabilizou entre abril e junho, na comparação com o mesmo trimestre do ano passado, tendo aumentado 0,8% no primeiro trimestre de 2015.

Já no que respeita o conjunto dos 28 Estados-membros, o rendimento do agregado familiar caiu 0,1% no segundo trimestre de 2015, na comparação homóloga.

Já o consumo doméstico cresceu 0,1% face ao segundo trimestre do ano passado.

Entre janeiro e março de 2015 ambos os indicadores tinham aumentado, respetivamente 1,1% e 0,6% na UE.

O rendimento real dos agregados familiares por habitante é definido como o rendimento bruto ajustado das famílias dividido pela população total.

O consumo real é definido como o consumo final dos agregados familiares, em termos nominais, dividido pela população total.

A ambos os indicadores são ainda aplicados os índices de preços.

Lusa

  • Campanha eleitoral em Angola chega hoje ao fim

    Mundo

    Os candidatos às eleições gerais angolanas de quarta-feira terminam hoje um mês de campanha, com milhares de quilómetros percorridos, uma breve aparição de José Eduardo dos Santos e as possíveis coligações em destaque.

  • China prepara-se para inaugurar comboio mais rápido do mundo
    1:08
  • A insólita entrevista de Jerry Lewis que se tornou viral
    2:39

    Cultura

    Jerry Lewis concedeu no início deste ano uma entrevista insólita que se tornou viral nas redes sociais. O comediante decidiu, pura e simplesmente, não colaborar com o entrevistado. Lewis tinha na altura 90 anos e continuava a trabalhar, tendo participado no filme "Max Rose", em 2016.