sicnot

Perfil

Economia

Pescadores sem receber apoios pela paragem da pesca da sardinha

A Federação dos Sindicatos do Setor da Pesca denunciou hoje que os pescadores do cerco, cujas embarcações estão paradas por terem esgotado o limite de captura estipulado para pescar sardinha, ainda não receberam quaisquer apoios prometidos pelo Governo.

© Antara Photo Agency / Reuters

"Os pescadores ainda não receberam qualquer apoio decorrente da paragem da pesca da sardinha", afirmou o coordenador da federação, Frederico Pereira, à agência Lusa, adiantando que o problema pode afetar cerca de mil trabalhadores do setor, cujas famílias começam a "desesperar".

Em alguns casos, como o dos profissionais da pesca de Peniche e Nazaré, cujas embarcações foram as primeiras a parar no final de agosto, os pescadores estão sem receber há três meses, sendo os apoios a sua única fonte de rendimento.

Como os armadores recebem depois de fazerem prova de que já pagaram aos seus tripulantes, 99% dos armadores de norte a sul do país também não recebeu ainda quaisquer apoios, confirmou à Lusa o presidente da Associação Nacional das Organizações da Pesca (ANOP) do Cerco, Humberto Jorge.

A agência Lusa pediu esclarecimentos ao Ministério da Agricultura e do Mar e aguarda esclarecimentos.

A uma semana de terminar o mês, a Federação dos Sindicatos do Setor da Pesca desconhece ainda se os apoios prometidos até 30 de novembro vão ser prolongados para além dessa data.

Nesse sentido, pediu uma reunião ao secretário de Estado do Mar, de quem ainda não recebeu uma resposta.

O limite de descargas de sardinha capturada com arte de cerco na costa portuguesa foi fixado em 4.000 toneladas até ao final de maio de 2015 e em mais 9.000 toneladas para o período de junho a outubro de 2015, num total de 13.000 toneladas.

No final de outubro, a quota de 13.000 toneladas de sardinha disponibilizada aos pescadores portugueses para 2015 estava praticamente esgotada, mas como as organizações de Setúbal e Sesimbra não tinham chegado ao limite, o Governo decidiu publicar um despacho prolongando a pesca até 31 de dezembro, aumentando igualmente os limites diários de captura.

A pesca de sardinha está, contudo, interdita em várias regiões do país que atingiram os limites locais de captura, como Peniche, Nazaré e Algarve.

Lusa

  • Mário Centeno lidera hoje a primeira reunião do Eurogrupo
    1:56
  • Grafitter morre após cair do telhado da estação de Sete Rios
    0:57

    País

    Um grafitter morreu no sábado na estação intermodal de Sete Rios, em Lisboa. O jovem caiu de uma altura de seis metros, enquanto fazia um grafitti. As autoridades terão sido alertadas por um amigo, mas quando o INEM chegou o jovem de 21 anos já estava morto.

  • Eleição de Rio "embaraça" PCP e BE
    0:34

    Opinião

    Luís Marques Mendes considera que a eleição de Rui Rio veio criar embaraço ao PCP e Bloco de Esquerda. O comentador da SIC considera que a promessa de que venha a haver pactos de regime entre PS e PSD é motivo de preocupação para os parceiros do Governo.

  • Pelo menos 22 corpos retirados de hotel atacado em Cabul

    Mundo

    Pelo menos 22 corpos foram removidos do hotel de Cabul, no Afeganistão, atacado neste fim de semana pelos talibãs e alguns serão difíceis de identificar por estarem calcinados, de acordo com um novo relatório do Ministério da Saúde.

  • Casal que mantinha filhos acorrentados queria participar num reality show
    3:15
  • Quase 100 atletas testemunharam contra médico Larry Nassar
    1:38

    Desporto

    Quase 100 atletas e antigas ginastas da seleção dos Estados Unidos da América confrontaram esta semana, em tribunal, o médico Larry Nassar, acusado de assédio sexual. Em dezembro, o clínico foi condenado a 60 anos de prisão por um tribunal do Michigan, por posse de pornografia infantil.