sicnot

Perfil

Economia

Sentimento económico estagna na zona euro e piora em Portugal

O indicador de sentimento económico estagnou na zona euro em novembro e recuou na União Europeia (UE) e em Portugal divulgou hoje a Comissão Europeia.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

Segundo dados da Direção-Geral de Assuntos Económicos e Financeiros da Comissão Europeia, o sentimento económico manteve-se estável na zona euro nos 106,1 pontos em novembro, face a outubro, e recuou 0,1 pontos na UE para os 107,6.

Em Portugal, o indicador contraiu 1,7 pontos em novembro, para os 103,6.

A estagnação da zona euro deve-se, segundo Bruxelas, a uma combinação do aumento da confiança dos consumidores e no setor dos serviços e da construção com uma deterioração da confiança na indústria transformadora e no comércio a retalho.

Entre as cinco maiores economias da zona euro, o indicador recuou em Itália (-0,7 pontos), em França (-0,6) e na Alemanha (-0,1), tendo aumentado na Holanda (3,1) e na Espanha (0,2 pontos).

Lusa

  • Alianças do PS marcam discursos no Congresso do PS
    2:51
  • Souto de Moura feliz com distinção na Bienal de Arquitetura de Veneza
    1:10
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos. Depois de um curso intensivo de português durante três meses, os jovens vão iniciar o ano letivo em vários pontos do país.