sicnot

Perfil

Economia

Bruxelas apoia setor das pescas e aquacultura em Portugal com 506 milhões de euros

A Comissão Europeia adotou hoje um pacote de investimento de 506 milhões de euros para o setor das pescas em Portugal, sendo a maior 'fatia', de 111,2 milhões, destinada à promoção e valorização de produtos.

(Arquivo)

(Arquivo)

A quinta prioridade definida no programa operacional de pescas português para 2014-2020 recebe 23,8% (11,2 milhões de euros) do envelope disponibilizado pelo Fundo Europeu para os Assuntos Marítimos e Pescas (FEAMP), e prevê, nomeadamente, o reforço do papel das organizações de produtores.

Neste âmbito, Bruxelas sublinha que as verbas destinadas aos Açores e Madeira são quase o dobro das disponíveis no período 2007-2013.

A segunda maior parcela, de 103,6 milhões de euros (26,4% do total) destina-se a promover o equilíbrio entre as atividades de pesca e a sustentabilidade e proteção do ambiente, apostando na inovação, poupança de energia, na adaptação da frota, reduzindo o consumo de energia, e investimentos em infraestruturas portuárias, para responder à obrigatoriedade de desembarque de todo o pescado.

Para o setor da aquacultura -- a segunda prioridade do programa operacional português - está prevista uma verba de 59 milhões (15% do total) para impulsionar o setor.

Globalmente, os fundos irão apoiar investimentos nas indústrias piscatórias, de aquacultura e de processamento que estimulem a competitividade e a sustentabilidade.

"O investimento sob este programa irá para os projetos portugueses de pescas, aquacultura e marítimos que são, ao mesmo tempo, sustentáveis para o ambiente e viáveis para a economia", disse o comissário europeu para o setor, Karmenu Vella.

"Estou convicto de que o pacote adotado hoje vai contribuir para que os pescadores e piscicultores portugueses enfrentem o futuro com confiança e para que as comunidades litorais e piscatórias portuguesas prosperem", acrescentou.

Lusa

  • Quatro pessoas assassinadas em Barcelos

    País

    Quatro pessoas, entre elas uma grávida, foram assassinadas hoje em Tamel, no concelho de Barcelos. As vítimas terão sido esfaqueadas e o suspeito já se entregou.

    Em desenvolvimento

  • Défice de 2016 fica nos 2,1%

    Economia

    O défice orçamental ficou nos 2,1% do PIB em 2016, em linha com o previsto pelo Governo. É o valor mais baixo em democracia. Está aberto o caminho ao fim do Procedimento por Défices Excessivos.

    Em desenvolvimento

  • Libertado o ex-Presidente egípcio Hosni Mubarak

    Mundo

    O ex-Presidente egípcio foi libertado hoje, depois de ter sido absolvido por um tribunal de recurso, no início deste mês. Hosni Mubarak estava agora confinado a um hospital militar. O antigo chefe de Estado tinha sido condenado em 2012 pela morte de manifestantes nos protestos da Primavera Árabe.

  • Comissão Europeia quer proibir o tabaco na praia

    País

    A Comissão Europeia quer proibir o tabaco em todos os espaços públicos, incluindo praias, parques infantis e equipamentos desportivos. A proposta foi apresentada pelo comissário da Saúde e Segurança Alimentar que, além de querer reduzir a dependência do tabaco, também sugere que todos os estados membros apliquem uma idade mínima para a venda de tabaco.

  • "Nós aceitamos sempre os resultados das eleições"
    1:07

    País

    Durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa, o líder dos sociais-democratas garantiu que o partido tem fair-play mas disse que está nas eleições autárquicas para ganhar. Pedro Passos Coelho acrescentou ainda que o PSD aceita sempre os resultados das eleições.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27
  • Data e local da canonização serão anunciados a 20 de abril
    2:23

    País

    O Papa aprovou esta quinta-feira o decreto que valida o milagre atribuído a Francisco e Jacinta. A data e local da cerimónia da canonização dos pastorinhos serão anunciados a 20 de abril, na reunião de cardeais no Vaticano. O Bispo de Leiria/Fátima acredita que a cerimónia possa ser a 13 de maio, durante a visita do Papa a Fátima.