sicnot

Perfil

Economia

Dívida pública desce para 128,7% do PIB até outubro, estima UTAO

A Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO) estima que a dívida pública tenha descido para 128,7% do Produto Interno Bruto (PIB) até outubro, ficando acima das previsões para o conjunto do ano deste Governo e do anterior.

reuters

Na nota mensal sobre a dívida pública de novembro, a que a agência Lusa teve hoje acesso, a UTAO estima que a dívida pública na ótica de Maastricht se tenha situado entre 128,5% e 129% do PIB até outubro, apontando para um valor central de 128,7% do PIB.

A confirmar-se esta previsão, escrevem os técnicos independentes da UTAO, "a dívida pública terá excedido a previsão oficial para o final do ano, a qual, recorde-se, é de 125,2% do PIB", de acordo com a segunda notificação do Procedimento dos Défices Excessivos enviada no final de setembro a Bruxelas pelo anterior Governo PSD/CDS-PP.

A estimativa da UTAO fica também acima da previsão do novo executivo do PS que, no Programa de Governo apresentado na semana passada pela Assembleia da República, estima que a dívida pública se fixe nos 128,2% este ano.

Por outro lado, a estimativa da UTAO para outubro representa "um decréscimo dívida pública no final do terceiro trimestre", que, segundo o Banco de Portugal, atingiu 130,6% do PIB.

Em setembro, a dívida das administrações públicas voltou a subir, passando para os 130,6% do PIB em setembro, acima do pico registado no final de 2014, de 130,2%.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê que Portugal chegue ao final de 2015 com uma dívida pública de 127,8% do PIB, uma projeção mais otimista do que a da Comissão Europeia, que antecipa que a dívida pública de Portugal caia para os 128,2% no final deste ano.

Lusa

  • Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já têm cadastro
    1:59

    Crise no Sporting

    Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já foram condenados por 22 crimes que cometeram no passado, mas nunca nenhum deles cumpriu pena de prisão ou prisão domiciliária. O juiz decretou a prisão preventiva na sequência das agressões à equipa do Sporting por entender que se tratou de um comportamento chocante, terrorista e a perversão do espírito desportivo.

  • Está a pensar ir à praia? Não se esqueça do guarda-chuva
    0:43
  • Abate de animais nos canis proibido a partir de setembro
    1:35

    País

    O abate de animais nos canis passa a ser proibido a partir de setembro. Só em 2017, foram mortos cerca de 12 mil cães e gatos, uma média de um abate por hora. O Governo lançou um programa de incentivos financeiros de um milhão de euros, que ainda está a decorrer.

  • Cabazes solidários oferecidos pelo Governo encontrados no lixo
    0:57
  • Colheita da cereja já arrancou no Fundão
    1:54

    País

    A colheita das primeiras cerejas da época já começou no Fundão. A campanha atrasou um mês em relação a anos anteriores, por causa do inverno que se prolongou, mas os produtores garantem que o fruto é de qualidade.