sicnot

Perfil

Economia

Candidaturas abertas para programa de estágios nos EUA

A primeira fase de candidaturas do programa de estágios da associação de estudantes e investigadores portugueses nos Estados Unidos (PAPS), dedicada a alunos portugueses do ensino superior, abre esta quinta-feira e encerra a 31 de janeiro.

AP

O programa chama-se 'PAPSummer' e os estágios de quatro semanas acontecerão entre julho e setembro, com o número final de bolsas ainda por definir.

Na fase de candidaturas que decorre até 31 de janeiro, os membros da PAPS que queiram ser mentores destes bolseiros devem candidatar-se.

Num segundo momento, que acontecerá durante o mês de março, os estudantes portugueses de licenciatura ou mestrado poderão escolher de entre os projetos aprovados e candidatar-se.

Na edição de 2015, a PAPS recebeu mais de 500 candidaturas. No final, foram escolhidos oito estudantes.

As áreas dos estágios foram desde investigação científica em áreas ligadas ao cancro e doença de Huntington, a processamento de dados em 'cloud' (nuvem), astronomia, comunicação e diplomacia, e finanças e gestão de fortunas.

"A PAPS acredita que esta oportunidade representou, e representa, sem qualquer dúvida, uma rampa de lançamento para as carreiras dos jovens estudantes contemplados, tendo mesmo alguns dos estagiários deste ano já estabelecido contatos de trabalho para o futuro", disse à Lusa Silvia Curado, responsável da PAPS.

As bolsas suportam os custos de deslocação, alojamento e estada dos estudantes durante o tempo de realização do estágio.

Na primeira edição, a PAPS contou com o apoio de quatro organizações para financiar estas bolsas: WeDo Technologies, consulado de Portugal em Nova Iorque, Fundação Calouste Gulbenkian e Axis Advisors, LLC.

A associação continua em contato com estas e outras entidades governamentais e privadas para estabelecer parcerias e apoio financeiro para a realização dos novos estágios, o que vai determinar o numero de bolsas atribuídas.

"A PAPS acredita poder contar novamente com o apoio dos seus parceiros, e novas entidades interessadas em colaborar nesta iniciativa, e o entusiasmo de mentores e estudantes Portugueses", explicou Sílvia Curado.

A PAPS (sigla em inglês de Portuguese American Post-graduate Society) existe desde 1998 e, com cerca de 1.000 membros, procura desenvolver as relações entre a comunidade de estudantes e investigadores portugueses nos EUA e a sociedade norte-americana.

Lusa

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Casas de Luís Filipe Vieira e Pedro Guerra foram alvo de buscas
    2:39

    Desporto

    O caso dos emails levou esta quinta-feira a Polícia Judiciária a fazer buscas no Estádio da Luz e nas casas de Luís Filipe Vieira, o comentador Pedro Guerra e Paulo Gonçalves, o assessor jurídico do clube das águias. O advogado foi constituído arguido, mas só porque um advogado para ser alvo de buscas precisa de ser arguido.

  • Buscas no Benfica? "A Justiça está a funcionar"
    0:18

    Desporto

    Bruno de Carvalho reagiu esta quinta-feira às buscas efetuadas no Benfica. À saída de uma audiência no Ministério da Educação, o presidente do Sporting abordou o tema para dizer que é sinal de que a justiça está a funcionar.

  • Este foi provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC