sicnot

Perfil

Economia

Crise dos refugiados será um dos temas centrais do Fórum Económico Mundial

Crise dos refugiados será um dos temas centrais do Fórum Económico Mundial

Começa amanhã na estância suíça de Davos o Fórum Económico Mundial. Cerca de 2500 personalidades participam na edição deste ano, incluindo 40 líderes mundiais, como o vice-presidente dos Estados Unidos e o primeiro-ministro israelita. Alguns portugueses vão também marcar presença, como o ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, o ex-presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso e o atual comissário europeu, Carlos Moedas. Este ano, os debates deverão ficar marcados pela crise dos refugiados na Europa, os problemas de segurança ligados ao terrorismo e a revolução ao nível industrial.


  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.