sicnot

Perfil

Economia

BCP quer reduzir mais de 100 balcões nos próximos três anos

O BCP vai redefinir o seu modelo de distribuição em Portugal, adaptando-o às novas tendências que o setor enfrenta devido à era digital, pretendendo reduzir a sua rede em mais de 100 agências até ao final de 2018.

© Hugo Correia / Reuters

O objetivo foi hoje anunciado por Nuno Amado, presidente do banco, e implica que o BCP, que fechou 2015 com 671 sucursais, chegue a dezembro de 2018 com menos de 570 agências.

O aumento do peso de clientes com acesso aos meios bancários digitais e das transações digitais vai funcionar como a outra face da moeda neste 'caminho para 2018' que hoje foi apresentado por Nuno Amado, em conferência de imprensa, em Lisboa.

Neste plano também está contemplado o relançamento do segmento 'afluente', o ajuste do modelo da banca para clientes empresariais, a otimização das áreas de recuperação de crédito e o "redesenho e simplificação do modelo operacional", informou o gestor.

Lusa

  • Isabel dos Santos participa na reestruturação da petrolífera Sonangol
    3:10

    Mundo

    Isabel dos Santos está envolvida na reestruturação da petrolífera Sonangol. A empresária angolana, filha do Presidente José Eduardo dos Santos, integra a comissão criada para melhorar o desempenho daquela que é a maior empresa pública do país. A Sonangol é acionista do BCP e tem uma participação indireta no capital da Galp Energia.

  • Nuno Amado revela que BCP pretende fechar mais 100 balcões até 2018
    0:32

    Economia

    O BCP saiu do vermelho. O banco anunciou hoje que teve lucros de 245 milhões de euros em 2015, contra 227 milhões de prejuizos no ano anterior. Os resultados ficam a dever-se, principalmente, ao aumento de 16% da margem financeira e à redução de custos operacionais. Os números foram apresntados esta tarde pelo presidente do banco numa conferência de imprensa. Nuno Amado revelou que o BCP pretende fechar mais 100 balcões até 2018.

  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.