sicnot

Perfil

Economia

Acionistas do Santander Totta aprovam novo aumento de capital de 300 milhões

Os acionistas do Banco Santander Totta deram hoje 'luz verde' a um novo aumento de capital de 300 milhões de euros, menos de dois meses depois de terem aprovado um reforço de capital no mesmo montante, informou a instituição.

© Andrea Comas / Reuters

Esta operação vai elevar o capital social do banco de 957 milhões de euros para 1,257 mil milhões de euros.

A lógica da operação passa pela "optimização da estrutura de capitais próprios", lê-se na convocatória para a reunião magna, datada de 28 de janeiro, que está disponível na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A 05 de janeiro, a entidade liderada por António Vieira Monteiro, que é detida pelo espanhol Banco Santander, anunciou que o seu aumento de capital de 300 milhões de euros tinha sido totalmente subscrito, passando o seu capital social de 657 milhões de euros para 957 milhões de euros, em 'números redondos'.

A 14 de dezembro, a operação de aumento de capital tinha sido aprovada em assembleia-geral extraordinária, tendo como objetivo reforçar a solidez do banco.

Nesta primeira operação de aumento de capital, a gestão do Santander Totta garantiu que a mesma não estava diretamente relacionado com a compra da atividade comercial do Banif e da maior parte dos seus ativos e passivos, anunciada a 20 de dezembro pelo Banco de Portugal, que aplicou na mesma data uma medida de resolução ao Banif.

Com a aprovação de hoje o Santander Totta quase dobra o seu capital social num curto espaço de tempo.

Lusa

  • "Almaraz: Uma bomba-relógio aqui ao lado"
    1:56
  • 105 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.