sicnot

Perfil

Economia

Fitch revê hoje rating de Portugal

A agência de notação financeira Fitch revê hoje o rating de Portugal. A nota da dívida pública desta agência situa-se ainda no patamar considerado "lixo". Esta semana a Moody's fez saber que está confortável com a notação que atribui a Portugal, e que não altera desde julho de 2014.

(Reuters/Arquivo)

(Reuters/Arquivo)

(Reuters/Arquivo)

Em entrevista à agência Lusa, à margem de uma conferência da Moody's em Lisboa, a responsável pela notação financeira para Portugal, Kathrin Muehlbronner, justificou a manutenção do'rating' com o crescimento económico ainda moderado, o nível elevado da dívida pública e a fragilidade da banca.

"A economia está a crescer, mas não está a crescer muito rápido. Essa é uma preocupação principal na nossa perspetiva. A dívida pública é muito, muito alta e nossa previsão, no nosso cenário, é que desça muito, muito gradualmente. E o setor bancário permanece fraco. Essas são as nossas três preocupações", afirmou Kathrin Muehlbronner.

A vice-presidente sénior da agência, com a pasta das dívidas soberanas, lembrou que a Moody's prevê que a economia portuguesa cresça em torno de 1,5% este ano, abaixo dos 1,8% estimados pelo Governo, mostrando-se preocupada com o investimento, "que não está a melhorar".

Kathrin Muehlbronner disse ainda que a Moody's vê o "consumo privado a acelerar, mas talvez não tanto quanto espera o Governo, com impacto positivo" na economia, alertando no entanto que "há a preocupação de que o consumo privado aumente as importações", com impacto negativo nas contas externas.

Questionada sobre se perante essa estimativa de crescimento ainda moderado para este ano a Moody's vai manter a nota atribuída a Portugal em 2016, a analista disse que "essa é uma decisão que será tomada no momento certo".

  • Acidente durante funeral em Miranda do Corvo causa 12 feridos
    2:39

    País

    Um acidente na zona de Miranda do Corvo fez esta terça-feira 12 feridos, um em estado grave. Foi durante um funeral, quando falharam os travões a um dos carros que seguia no cortejo, como explicou, em direto do local, o repórter Miguel Ângelo Marques.

  • Instalações militares vão ter reforço de segurança
    0:52

    Assalto em Tancos

    Depois do caso do roubo de material em Tancos, várias instalações militares vão sofrer um reforço de segurança do material que armazenam. As conclusões sobre o furto dos paióis de Tancos serviram de base às medidas anunciadas esta terça-feira pelo Ministério da Defesa. 

  • SIC faz-se à estrada para ouvir eleitores
    2:13
  • Os elevadores do futuro
    7:13
  • Demências afetam 50 milhões de pessoas
    2:23

    Mundo

    Cinquenta milhões de pessoas em todo o mundo e mais de 150 mil em Portugal sofrem de demências como o Alzheimer ou o Parkinson. Oitenta especialistas de 21 países reúnem-se esta semana na Fundação Champalimau, em Lisboa, para falar deste tipo de epidemia silenciosa.

  • Furacão Maria deixa 25 mil pessoas sem eletricidade em Guadalupe
    2:24
  • Escola na Croácia usa imagem de Melania Trump para chamar alunos

    Mundo

    "Imagine até onde pode ir com um pouco de inglês", foi com estas palavras que uma escola de inglês da Croácia decidiu promover as suas aulas, juntando ainda a fotografia de Melania Trump ao placard do anúncio. Agora, a primeira-dama norte-americana ameaça levar o Instituo Americki a tribunal. Entretanto, o placard já foi retirado do local.

    SIC