sicnot

Perfil

Economia

Ministro das Finanças é hoje ouvido no parlamento

O ministro das Finanças, Mário Centeno, é ouvido hoje no parlamento e os programas de Estabilidade e Nacional de Reformas, que vão ser discutidos na Assembleia da República na próxima quarta-feira, devem marcar o debate.

Mário Centeno, ministro das Finanças

Mário Centeno, ministro das Finanças

© Rafael Marchante / Reuters

De manhã os deputados ouvem o Conselho de Finanças Públicas. À tarde, a Comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa ouve Mário Centeno.

Os números da execução orçamental até março e a existência de um eventual plano B também deverão marcar o debate.

Até ao final do mês, o Governo deverá submeter os programas de Estabilidade e Nacional de Reformas à Comissão Europeia.

  • Ministros Finanças da UE querem sistema de troca de informações contra evasão fiscal
    2:13

    Panama Papers

    Os ministros das Finanças dos 28 estados-membros da União Europeia estiveram hoje reunidos em Amesterdão para discutir o escândalo Panama Papers. Da reunião saiu a ideia de um sistema de troca automática de informações para combater a evasão fiscal. Antes houve reunião do Eurogrupo, para discutir a Grécia, o caso português só ser analisado em Junho. O encontro ficou marcado por uma gafe a envolver o nome de Mário Centeno.

  • Programa de Estabilidade português foi aprovado
    2:50

    Economia

    Já foi aprovado o Programa de Estabilidade que traça o rumo das contas do país até 2020. É previsto que a economia cresça menos do que se esperava, mas no final do ciclo, Portugal vai conseguir atingir um excedente orçamental. O ministro das Finanças Mário Centeno frisa que não estão previstos aumentos nos impostos nem cortes salariais. Mário Centeno acredita que a estratégica desenhada terá luz verde de Bruxelas.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".