sicnot

Perfil

Economia

Afinal há um plano B para 2017

NOTÍCIA SIC

Afinal há um plano B para 2017

O Governo não explicou aos portugueses as medidas do Programa de Estabilidade que mais impacto vão ter no seu bolso. Há um anexo ao documento que foi entregue na Comissão Europeia, na UTAO e no Conselho de Finanças Públicas, mas não chegou a ser revelado publicamente. A SIC sabe que entre outras medidas para reduzir o défice em 2017, haverá poupanças no pagamento das prestações sociais.

O plano já está traçado: Mário Centeno ainda tem de se preocupar em reduzir o défice para os 2,2% este ano, mas já está a preparar as contas do próximo. É que em 2017 quer que o buraco nas contas públicas desça para 1,4%, ou seja, de agora até ao próximo ano tem de conseguir cortar 1400 milhões de euros.

Ao que a SIC apurou, o Governo já tem as medidas concretas e as contas apuradas.

A maior receita deverá chegar do BPP, o Banco Privado Português deve devolver, no próximo ano, os 450 milhões de euros em garantias dadas pelo Estado.

As parcerias público-privadas, que foram renegociadas, devem gerar uma poupança de 90 milhões e os pagamentos que foram mal feitos pela Segurança Social devem render 70 milhões de euros.

Outros 30 milhões deverão chegar através das prestações sociais. O Governo vai rever os pagamentos, com o objetivo de poupar dinheiro. Ao que a sic apurou, esta revisão vai ser feita em todas as prestações sociais.

Depois, é esperar que a economia faça o seu papel: terá de crescer ao ritmo previsto pelo Governo, o que também fará com que aumente a receita com impostos, se os portugueses gastarem mais.

Nos impostos, também haverá novidades: o Governo não diz onde, para já, mas a SIC sabe que estima conseguir mais 180 milhões de euros em 2017.

Há medidas que ainda não têm contas feitas. É o caso do corte nas despesas correntes dos ministérios, do impacto que o Governo espera com medidas de modernização da administração pública e com entrada de menos trabalhadores para o Estado.

Tudo junto, e nas contas do governo, dará os 1.400 milhões de euros necessários para descer o défice para 1,4%.

O executivo acredita que estas medidas bastarão e continua convencido que também este ano não será necessário um plano B.

  • Quase 200 queixas por dia sobre serviços de saúde em 2017
    1:46

    País

    Foram apresentadas, em 2017, quase 200 queixas por dia sobre o funcionamento dos serviços de saúde públicos e privados. As questões administrativas e os tempos de espera foram as principais razões das mais de 70 mil reclamações recebidas pela Entidade Reguladora da Saúde.

  • Fim de semana com chuva e descida da temperatura

    País

    A chuva regressa hoje a Portugal continental e permanece pelo menos até ao início da semana, prevendo-se ainda uma descida da temperatura máxima entre 04 a 06 graus Celsius, disse à Lusa a meteorologista Cristina Simões.

  • O projeto pioneiro que apoia crianças com doenças incuráveis
    3:30

    País

    A única unidade de cuidados paliativos pediátricos do país situa-se em São Mamede de Infesta. Inaugurado há quase dois anos, pelo Kastelo, há passaram 68 crianças com doenças incuráveis. A instituição lançou agora uma campanha de donativos para construir um parque aquático.