sicnot

Perfil

Economia

Companhia britânica Monarch passa a voar para Lisboa a partir de amanhã

A Monarch vai lançar a partir de sexta-feira novas rotas com destino a Lisboa, desde dos aeroportos de Gatwick (Londres), e de Manchester, anunciou hoje a companhia aérea britânica.

© Yiannis Kourtoglou / Reuters

A partir de 17 de junho, a transportadora lança mais uma rota com destino ao aeroporto de Lisboa, desta vez com origem no aeroporto de Birmingham.

Em comunicado, a Monarch explicou que as novas rotas terão uma frequência de quatro vezes por semana, num total de dez voos semanais.

O presidente executivo da Monarch, Andrew Swaffield, manifesta satisfação por incluir Lisboa na rede de destinos da companhia, realçando ser "o destino ideal para uma pausa na cidade ou um feriado prolongado".

Lisboa é o terceiro destino português da Monarch, que voa há vários anos com destino ao aeroporto de Faro com voos dos aeroportos de Gatwick, Luton, Birmingham, Manchester e Leeds Bradford e também para o aeroporto do Funchal a partir dos aeroportos de Birmingham, Gatwick e Manchester.

Com sede no aeroporto de Luton, a companhia tem cinco bases no Reino Unido - Londres Gatwick, Birmingham, Manchester, Leeds-Bradford e Luton -, transportando cerca de sete milhões de passageiros por ano.

Lusa

  • Bernardo Silva no City? O que Pep Guardiola disse ao português na Champions
    0:34
  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28
  • "O Brasil não parou e não vai parar"
    1:33

    Mundo

    O Presidente do Brasil diz ter condições para continuar à frente do Palácio do Planalto. Num vídeo publicado no Twitter, Michel Temer garante que o país não parou, nem vai parar, mas há uma nova gravação que pode comprometer o futuro do chefe de Estado.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57