sicnot

Perfil

Economia

Presidente do ShanShan Group diz que Novo Banco vai ser comprado por investidor chinês

O presidente do ShanShan Group, Zheng Yonggang, que está em Lisboa em representação da Associação de Novos Empreendedores de Xangai, afirmou hoje estar confiante que o Novo Banco vai ser adquirido por um investidor chinês.

© Rafael Marchante / Reuters

"O Novo Banco vai ser comprado por um investidor chinês", lançou o responsável durante um encontro com jornalistas num hotel da capital portuguesa, apontando para o "apoio" do Governo e do povo português à operação que é sentido na China.

Zheng Yonggang lidera uma associação de empresários chineses que conta, entre muitos outros, com Guo Guangchang, presidente da Fosun, grupo que já participou no primeiro concurso de venda do Novo Banco que foi interrompido pelo Banco de Portugal em setembro do ano passado.

"Guo Guangchang é um dos membros da nossa associação e já está envolvido neste negócio. Sei que ainda não saíram deste projeto", realçou o responsável, destacando que o ShanShan Group "também tem uma empresa grande de seguros que também tem interesse" na compra do Novo Banco.

Porém, Yonggang vincou que "dentro da associação não vai haver competição de uns contra os outros" neste negócio.

"Mas podemos reunir esforços para o mesmo projeto", assinalou.

Questionado pelos jornalistas se vai aproveitar o almoço com o primeiro-ministro, António Costa, na quarta-feira, para abordar esta operação, o empresário disse que sim.

"A nossa atitude vai no sentido de mostrar o interesse" no Novo Banco, admitiu.

Lusa

  • As camisolas de Natal da família real britânica

    Mundo

    O espírito natalício invadiu ontem o Museu Madame Tussauds, em Londres. Foram reveladas as novas figuras de cera da família real britânica - cada membro enverga uma camisola de espírito festivo, com cãezinhos "reais" e "gingerbreadmen" de gosto duvidoso.

  • Os dias na Terra estão a ficar mais longos

    Mundo

    Os dias estão a tornar-se mais longos, mas impercetivelmente, porque vão ser precisos 6,7 milhões de anos para aumentarem um minuto, segundo um estudo publicado quarta-feira pela Proceedings A da Royal Society britânica.

  • As novas rotas da TAP em 2017
    1:59

    Economia

    No próximo ano, a TAP vai passar a voar para o Canadá. Além de Toronto, a companhia aérea vai também abrir cinco novas rotas para a Europa e aumentar algumas frequências. Fique a conhecer quais são.

  • Leica: a marca lendária entre os fotógrafos
    5:54