sicnot

Perfil

Economia

Governo "à procura de investidores" para juntar 400 milhões de apoio a startups

O ministro da Economia disse hoje estar "à procura de investidores" que queiram participar nos fundos de capital de risco do programa StartUp Portugal para financiar novas empresas portuguesas, num valor que poderá "atingir 460 milhões de euros".

JOS\303\211 COELHO

"O total poderá ultrapassar os 400 milhões de fundos que ficarão disponíveis para as empresas portuguesas que querem crescer, que querem investir e que estão a apostar na tecnologia", afirmou hoje Manuel Caldeira Cabral à margem da apresentação da Associação Porto Tech Hub.

O ministro quer ver reforçada a ideia de que "devem ser os investidores a escolher os projetos e a demonstrar o interesse por arriscarem o seu dinheiro", competindo ao Estado ter "fundos públicos" para "alavancar esses projetos de investimento" e cobertura relativamente "a parte de risco".

"O que estamos à procura é de investidores que tragam não só capital, mas também conhecimento, investidores que tragam experiência internacional e possam abrir às 'startups' portuguesas (...) novas oportunidades, quer em Portugal, quer no estrangeiro", assinalou.

Segundo Caldeira Cabral, "o montante que está para subscrever poderá atingir os 460 milhões, mas vai depender da forma como se vai conjugar o montante público (...) com o privado".

Os fundos de capital de risco e Business Angels "já estão disponíveis hoje para serem subscritos por investidores que queiram subscrevê-los", disse, explicando que o Estado pode entrar com 50% a 65% do montante.

O ministro adiantou já ter havido "manifestações de interesse" por parte de investidores, numa altura em que o concurso está aberto e em que estão a ser pedidos os cadernos de encargos.

Realçou ainda que estes "são fundos que terão muita importância na criação de emprego qualificado em Portugal e a dar maiores probabilidades de sucesso aos projetos que tantos jovens estão a desenvolver".

Lusa

  • Confrontos entre gangues rivais na prisão brasileira de Natal

    Mundo

    Dois gangues rivais entraram em confronto na Penitenciária de Alcaçuz, a mesma onde morreram 26 presos num motim esta semana, avança a agência France Press. O site da Globo refere que há um morto e sete feridos. O Exército já foi chamado a intervir.

    Em desenvolvimento

  • As crianças e o frio. O que vestir
    1:58

    País

    O médico Pedro Ribeiro da Silva, da Direção-Geral da Saúde, aconselha especial cuidado com as extremidades do corpo - usar luvas e gorros. E demasiado agasalhadas pode levá-as a transpirar mais e, consequentemente, desidratar.

  • Transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos
    2:32

    Economia

    Os transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos já a partir do próximo mês e a poupança nos passes combinados pode chegar até aos 12 euros por mês. Para além disso, foram criados 1280 lugares de estacionamento gratuito junto às estações da CP e Governo reafirma ainda que a linha será alvo de obras de melhoramentos este ano. Em 2016 passaram pela linha de Cascais 25 milhões de passageiros, mais 2,9% que no ano anterior.

  • Edíficio histórico de Teerão desmorona-se durante incêndio
    1:20
  • Cantora da Lambada encontrada morta carbonizada

    Cultura

    A cantora brasileira Loalwa Braz Vieira, ícone da Lambada do fim dos anos 80 e intérprete da música "Chorando se foi", foi encontrada morta num carro incendiado em Saquarema, Rio de Janeiro. A notícia é avançada pela Globo.