sicnot

Perfil

Economia

Cancelados 23 voos de e para aeroportos franceses

Vinte e três voos com destino e partidas dos aeroportos franceses foram hoje cancelados devido à greve dos controladores aéreos em França, segundo informação disponível na página da ANA - Aeroportos de Portugal na Internet.

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

De acordo com a ANA, foram cancelados cinco voos da Ryanair, Easyjet Airlines e Vueling com partida do aeroporto de Lisboa e destino a Paris, Lyon, Marselha e Londres.

Também estão cancelados quatro voos da Easyjet e Vueling a partir de Lyon, Paris e Londres com destino a Lisboa.

Já no aeroporto Sá Carneiro, no Porto, estão cancelados seis voos da Ryaniar com partida dali e destino a Poitires, Lorient, Dole, Bordéus, La Rochelle e Marselha, em França.

Estão também cancelados outros seis voos da Ryanair provientes de Lorient, Poitiers, Bordéus, Dole, la Rochelle e Marselha com destino ao Porto.

No aeroporto de Faro estão cancelados dois voos de e para Paris-Beauvais.

A Ryanair anunciou na segunda-feira que foi "forçada" a cancelar 166 voos que deveriam realizar-se a partir de França e para aquele país, devido à greve dos controladores aéreos franceses.

Em comunicado, a companhia aérea lamenta o sucedido e indica que "30 mil clientes Ryanair terão os seus voos cancelados e mais de 100 mil clientes irão experienciar severos atrasos dos seus voos, consequência desta greve, a 12.ª em 13 semanas".

Entretanto, e de acordo com a mesma nota, a companhia aérea 'low cost' (baixo custo) apelou à Comissão Europeia para que sejam tomadas "medidas imediatas que evitem que milhares de cidadãos europeus tenham os seus voos cancelados ou atrasados devido às greves contínuas de pequenos sindicatos de Controladores de Tráfego Aéreo (CTA)".

Os sindicatos dos controladores aéreos franceses convocaram para a hoje a 12.ª greve em 13 semanas.

A Usac-CGT, principal sindicato da aviação civil, refere que esta greve reclama a retirada total da reforma laboral, contestada desde meados de fevereiro.

Lusa

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Casas de Luís Filipe Vieira e Pedro Guerra foram alvo de buscas
    2:39

    Desporto

    O caso dos emails levou esta quinta-feira a Polícia Judiciária a fazer buscas no Estádio da Luz e nas casas de Luís Filipe Vieira, o comentador Pedro Guerra e Paulo Gonçalves, o assessor jurídico do clube das águias. O advogado foi constituído arguido, mas só porque um advogado para ser alvo de buscas precisa de ser arguido.

  • Buscas no Benfica? "A Justiça está a funcionar"
    0:18

    Desporto

    Bruno de Carvalho reagiu esta quinta-feira às buscas efetuadas no Benfica. À saída de uma audiência no Ministério da Educação, o presidente do Sporting abordou o tema para dizer que é sinal de que a justiça está a funcionar.

  • Este foi provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • O clube de amigos de António Costa

    Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC