sicnot

Perfil

Economia

Finanças devolveram 2,25 mil M€ em reembolsos de IRS até 5ª feira

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) processou, até quinta-feira, 96% das declarações de IRS entregues este ano, ordenando o reembolso de 2,25 mil milhões de euros aos contribuintes.

"A esta data [de 28 de julho] as ordens de reembolso são superiores às do período homólogo de 2015 em perto de 58 mil declarações, o que corresponde a um acréscimo de 2,34%", afirma o Ministério das Finanças, que tutela a AT, em informação enviada à Lusa.

Segundo a mesma fonte, os 2,25 mil milhões de euros de reembolsos entregues este ano, relativos ao Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) entregue até ao final de maio, foram superiores em 262 milhões de euros aos entregues no mesmo período no ano passado (no valor total de 1,96 mil milhões de euros).

Até 28 de julho do ano passado o Fisco recebeu 2 460 352 declarações de IRS, menos do que as 2 517 938 declarações recebidas em igual período de 2015 (relativo aos rendimentos de 2014).

A AT ressalva que os dados hoje divulgados refletem as ordens de reembolso dados pelos serviços, tendo em conta que decorrem cerca de quatro dias entre a autorização de reembolso e a creditação na conta bancária do contribuinte.


Lusa

  • Temperaturas sobem no fim de semana, risco de incêndio aumenta
    1:08
  • Reveladas escutas telefónicas entre Sócrates e Ricardo Salgado
    2:39

    Operação Marquês

    Após ser detido em 2014, Ricardo Salgado recebeu uma chamada de José Sócrates a dar o seu apoio. Nas escutas é possível perceber que o antigo primeiro-ministro fala de admiração pelo ex-banqueiro, depois de Sócrates ter garantido, na semana passada na RTP, que a relação com Ricardo Salgado era apenas institucional. Noutra conversa de Sócrates, desta vez com o advogado Daniel Proença de Carvalho, o ex-primeiro-ministro criticou Marcelo Rebelo de Sousa, quando este ainda era comentador e tinha comentado a queda do BES.