sicnot

Perfil

Economia

Lucro do BBVA cai 33,6% no 1º semestre deste ano

BBVA

Lusa

O banco BBVA obteve um lucro de 1.832 milhões de euros, entre janeiro e junho de 2016, 33,6% menos do que no ano anterior, devido ao impacto das variações cambiais e à ausência de operações empresariais.

Segundo um comunicado enviado hoje à Comissão Nacional do Mercado de Valores (CNMV) espanhola, a entidade bancária explica que, entre abril e junho, conseguiu gerar "o lucro trimestral mais alto do último ano", 1.123 milhões de euros, 58,4% superior ao trimestre anterior.

"O ritmo de crescimento do lucro acelerou no segundo trimestre e estamos a avançar de forma decidida para o nosso objetivo alcançar um rácio de capital de 11% em 2017", explicou o presidente executivo, Carlos Torres Vila.

Para encerrar o mês de junho," os empréstimos a clientes somavam 433,268 milhões de euros", 10,2% mais que no ano anterior, "uma carteira com um rácio de morosidade de 5,1%", um ponto a menos que em junho de 2015, e "um rácio de cobertura para insolvências de 74%", em comparação com os 72% no ano anterior, acrescentou a entidade.

Os depósitos dos clientes ficaram nos 406.284 milhões de euros após terem crescido 12%, enquanto as comissões registaram um aumento de 6% para os 2.350 milhões de euros.

Em Espanha, o BBVA ganhou 619 milhões de euros até junho, 15,3% menos que no ano anterior, enquanto a unidade imobiliária registou perdas de 209 milhões de euros, ainda que tenham sido inferiores em 30,56% às sofridas até junho de 2015.


Lusa

  • Presidente catalão garante ter plano de contingência
    2:14
  • "Não há um verdadeiro debate democrático em Espanha"
    2:24
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    No Quadratura do Círculo desta quinta-feira, José Pacheco Pereira disse que este braço de ferro em território espanhol reforça a linha autoritária que existe em Espanha. Jorge Coelho considera que é urgente recorrer à diplomacia para definir um caminho a médio ou a longo prazo. Já o gestor Manuel Queiró afirma que Portugal não deve encarar este referendo com condescendência. 

  • Subimos ao novo miradouro no pilar da Ponte 25 de Abril
    2:06
  • Uber perde licença para operar em Londres

    Economia

    O regulador de transporte de Londres decidiu hoje que vai retirar à Uber a licença para operar na capital britânica. A proibição entra em vigor no final deste mês e vai afetar 40 mil motoristas da empresa multinacional norte-americana.

  • 60 sobreviventes resgatados dos escombros no México
    1:21