sicnot

Perfil

Economia

Worten Espanha multada em 10.000 € por vender disco com dados dos empregados

© Kim Hong-Ji / Reuters

A agência de proteção de dados espanhola (AEPD, na sigla espanhola) multou em 10.000 euros a cadeia de lojas eletrónica Worten em Espanha por ter vendido um disco que continha dados pessoais de todos os empregados da empresa.

De acordo com uma nota da Facua, entidade que representa os consumidores, o disco duro foi comprado pelo cliente como novo em 2013, pelo que ao descobrir que este tinha sido usado apresentou uma reclamação na associação dos consumidores que "destapou uma segunda fraude" ao detetar que estava cheio de dados pessoais e profissionais dos empregados da loja que a Worten tinha em Sevilha e que encerrou em 2015.

Perante os dados, a Facua apresentou uma reclamação à AEPD, na qual destacava que "a conduta da empresa" fragilizava "de forma explícita a privacidade a que se deve submeter toda a informação como a do diretório de dados de recursos humanos de qualquer empresa" e que neste caso havia uma "evidente infração" da lei.

Por sua vez, a AEPD argumentou que a "Worten não garantiu a segurança dos dados pessoais dos seus empregados, sendo consequência de uma insuficiente ou ineficaz implementação das medidas de segurança".

Por isso, a agência para a proteção de dados decidiu agora, "três anos depois da denúncia da Facua", aplicar uma multa de 10.000 euros à Worten por uma infração que considerou "grave".

A Worten é uma marca do grupo Sonae que tem uma empresa em Portugal e outra em Espanha. Ou seja, são duas sociedades diferentes, com presidentes e equipas de gestão distintos, detidas pelo mesmo grupo português.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22