sicnot

Perfil

Economia

Fusões e aquisições em Portugal sobem 30% em julho

O mercado de fusões e aquisições em Portugal registou um aumento de 30% no número de operações no mês de julho e um aumento de 5,52% no número de operações nos primeiros sete meses do ano, segundo a TTR.

De acordo com o Relatório Mensal Ibérico elaborado pelo TTR, O mercado de fusões e aquisições em Portugal contou com um total de 153 transacções entre janeiro e julho, o que representa um aumento de 5,52% em relação ao mesmo período do ano passado.

O volume total movimentado neste período foi de 6,23 mil milhões de euros, mas apenas 65 operações tiveram o seu valor divulgado.

No mês de julho de 2016 foram registadas 26 transacções, o que representa um aumento de 30% em relação ao mesmo período do ano de 2015, mas o valor total movimentado foi de 286,44 milhões de euros, tendo em conta apenas as operações com valor divulgado, o que representa uma quebra de 63,28% em relação ao mesmo período do ano passado.

Entre janeiro e julho deste ano, os subsetores mais ativos do mercado nacional foram o do Imobiliário, do Financeiro e Seguros, da Tecnologia, e da Saúde, Higiene e Estética.

Nos primeiros sete meses deste ano as aquisições realizadas em Portugal por empresas estrangeiras totalizaram 58 operações.

Espanha foi o principal investidor estrangeiro, com 14 transacções que movimentaram 2,47 mil milhões de euros.

O segundo maior investidor estrangeiro em Portugal foram os Estados Unidos, com 13 operações que movimentaram 109,68 milhões de euros.

No período em análise ocorreram várias aquisições de participações por empresas portuguesas em empresas estrangeiras, nomeadamente duas em Espanha, uma em França, no Brasil, no Reino Unido, em Angola e na Alemanha.

Estes investimentos foram feitos nos setores do Imobiliário, Marketing e Publicidade, Tecnologia, Química e Materiais Químicos, Distribuição, Turismo, Hotelaria, Restaurantes, Vidro, Cerâmica, Papel, Plásticos, Madeiras e Energia Eólica.

Lusa

  • Este texto é sobre o bom senso. O bom senso que faltou a Passos Coelho quando, esta manhã, depois de uma visita pelas áreas ardidas de Pedrógão Grande, decidiu falar em suicídios. Passos não se referiu a tentativas, mas sim a atos consumados. Deu certezas. Disse que tinha conhecimento de “pessoas que puseram termo à vida” porque “que não receberam o apoio psicológico que deviam.”

    Bernardo Ferrão

  • Simplex+2017 promete simplificar burocracia
    1:08

    País

    Já está online o novo Simplex+2017, que vai simplificar a vida dos cidadãos, empresas e administração pública. Pagar impostos com cartão de crédito e ter o cartão de cidadão ou a carta de condução no telemóvel são alguns exemplos do que está previsto.

  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.