sicnot

Perfil

Economia

CGTP inicia semana nacional de luta pelos direitos dos trabalhadores

A CGTP inicia hoje uma semana nacional de esclarecimento, reivindicação e luta pelos direitos dos trabalhadores, que culminará com iniciativas por todo o país, no dia 01 de outubro, para assinalar o aniversário da Central.

O arranque desta semana, na qual a CGTP irá apresentar os seus cadernos reivindicativos e de ação, é assinalado hoje, pelas 13:30, junto da empresa Endutex, em Vilarinho, Santo Tirso, na presença do seu secretário-geral, Arménio Carlos.

Este primeiro dia é dedicado à reivindicação da reposição dos direitos dos trabalhadores e da melhoria das condições de vida e de trabalho.

Em Lisboa, a semana de luta começa com dois plenários de trabalhadores da Imprensa Nacional Casa da Moeda, pelas 08:30 e pelas 16:00, sendo as outras iniciativas divulgadas pela CGTP ao longo da semana.

A realização desta semana, que culmina com iniciativas por todo o país no dia 01 de outubro por ocasião do aniversário da Central, foi decidida pelo Conselho Nacional da Inter, em dia 07 de setembro, dia em que foi aprovada a proposta reivindicativa da CGTP para 2017.

Aumentos salariais de 4%, que garantam um mínimo de 40 euros a cada trabalhador, e a subida do salário mínimo nacional (SMN) para os 600 euros são reivindicações que constam da proposta da Central.

A CGTP reivindica também o aumento do Indexante de Apoios Sociais (IAS), que permanece nos 419 euros.

A valorização dos salários e o combate à pobreza e à exclusão social são os pontos fortes da proposta reivindicativa que vai servir de referência aos sindicatos da CGTP.

O Conselho Nacional da Inter aprovou hoje também o lançamento de uma petição em defesa do direito à negociação coletiva, cujas assinaturas serão entregues no parlamento em novembro.

Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.