sicnot

Perfil

Economia

ISEG piora estimativa e espera crescimento da economia entre 1% e 1,3% este ano

O ISEG reviu em baixa esta segunda-feira a sua estimativa para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) para este ano, para um intervalo entre 1,0% a 1,3%, segundo a síntese de conjuntura divulgada.

"Para a totalidade do ano de 2016, atendendo ao crescimento registado no primeiro semestre e à evolução dos principais agregados da procura, o crescimento do PIB foi revisto em baixa para um intervalo entre 1,0% a 1,3%", lê-se na síntese de conjuntura de setembro.

Os analistas do ISEG afirmam que esta previsão "tem sobretudo por base a expectativa de um crescimento do consumo das famílias superior ao registado no primeiro semestre".

Já para o terceiro trimestre, os primeiros dados quantitativos "tornam mais provável um crescimento homólogo do PIB superior ao registado" nos primeiros seis meses deste ano, devido a uma "aceleração em alguns indicadores do consumo privado" e "às indicações de que a evolução da Procura Externa Líquida poderá não comprometer o crescimento da Procura Interna".

Em junho, o Grupo de Análise Económica do ISEG já tinha revisto em baixa a estimativa de crescimento económico para o conjunto de 2016, antecipando que o PIB avançasse entre 1,3% e 1,6%.

Em fevereiro, o grupo de análise económica estimava que o PIB crescesse entre 1,5% e 1,9% em 2016.

A economia portuguesa cresceu 0,9% no segundo trimestre face ao período homólogo e 0,3% em relação ao trimestre anterior, segundo o Instituto Nacional Estatística (INE).

O Governo antecipou que o PIB crescesse 1,8% este ano. No entanto, o primeiro-ministro, António Costa, admitiu esta segunda-feira, em entrevista ao jornal Público, que o PIB poderá crescer apenas pouco acima de 1% este ano.

Lusa

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.