sicnot

Perfil

Economia

Marcelo em visita de Estado à Suíça entre domingo e terça-feira

O Presidente da República vai realizar entre domingo e terça-feira uma visita de Estado à Suíça, onde será recebido pelo seu homólogo, Johann N. Schneider-Ammann, e terá um encontro com a comunidade portuguesa.

Nesta deslocação, dividida entre Genebra e Berna, Marcelo Rebelo de Sousa estará acompanhado pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, e pelo secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro.

O encontro do chefe de Estado com representantes da comunidade portuguesa na Suíça - que é uma das maiores comunidades portuguesas no estrangeiro, com perto de 300 mil portugueses - é o primeiro ponto desta visita, no domingo, às 17:00, em Genebra.

Os portugueses constituem a terceira maior comunidade estrangeira na Suíça, a seguir aos italianos e alemães, mas em Genebra são a primeira comunidade.

Segundo o programa desta visita, hoje divulgado, na segunda-feira Marcelo Rebelo de Sousa encontra-se com o Presidente da Confederação Suíça, Johann N. Schneider-Ammann em Genebra.

Em seguida, visita projetos tecnológicos locais, e depois parte de comboio para Berna.

À chegada a Berna, o Presidente da República encontra-se novamente com Johann N. Schneider-Ammann, com outros membros do Conselho Federal e com o Chanceler da Confederação Suíça, Walter Thurnherr.

Está prevista uma conferência de imprensa dos presidentes português e suíço, após uma reunião a dois.

O dia termina com um jantar em honra do Presidente da República, oferecido pelo Conselho Federal Suíço.

Na terça-feira de manhã, Marcelo Rebelo de Sousa visita a empresa Rondo SA, em Burgdorf, a cerca de 30 quilómetros de Berna, segundo o programa, por ser "um exemplo daquilo a que os suíços chamam de 'vocacional training'", em que os alunos podem optar por "aprender uma profissão no próprio local de trabalho", a partir dos 15 anos.

Antes de regressar a Lisboa, o Presidente da República visita ainda o Museu Franz Gertsch, um pintor suíço conhecido pelos seus retratos hiper-realistas.

Lusa

  • A visita de António Costa a Macau
    2:10

    País

    António Costa esteve esta terça-feira em Macau, onde falou com empresários e visitou a escola portuguesa. Durante a visita, o primeiro-ministro ainda participou numa entrega de prémios Start-ups, deixando um convite para a Web Summit em novembro, em Lisboa. Marcelo Rebelo de Sousa aproveitou para comentar a visita do chefe de Governo à China, elogiando a relação entre os dois países mas avisando que "não há almoços grátis".

  • Marcelo assinala Dia do Idoso na Casa do Artista
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa assinalou o Dia Internacional do Idoso numa visita à Casa do Artista, em Lisboa. O Presidente da República aproveitou também para se inscrever como sócio apoiante da associação que dinamiza a instituição criada para acolher antigos artistas.

  • Marcelo visita militares dos Comandos hospitalizados
    0:16

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa visita hoje os militares dos Comandos que se encontram internados no Hospital das Forças Armadas. O Presidente da República será acompanhado pelo ministro da Defesa. Já ontem, Marcelo foi visitar o militar Dylan da Silva, que se encontra no Hospital Curry Cabral, em Lisboa, à espera de um transplante de fígado. Ontem à noite, em Coimbra, Marcelo revelou que concorda e aceita a decisão de suspender os cursos de comandos.

  • Marcelo convida Costa a visitar as Ilhas Selvagens
    2:30

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa concluiu a visita à Madeira nas Ilhas Selvagens. O Presidente da República falou sobre a preservação da natureza e os esforços de Portugal junto da comunidade internacional para alargar a plataforma continental. O Presidente ainda teve tempo de enviar postais a convidar o primeiro- ministro, António Costa, a visitar as ilhas.

  • Negócios do fogo
    22:00
  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.

  • "De repente ele estava em cima de mim a beijar-me e a apalpar-me"
    2:43