sicnot

Perfil

Economia

Crédito ao consumo aumentou 24% em agosto

(Arquivo)

O novo crédito ao consumo aumentou 24% em agosto para 488 milhões de euros em termos homólogos, com os empréstimos para compra de automóvel em máximos desde março, divulgou hoje o Banco de Portugal (BdP).

Em agosto, foram emprestados 487,722 milhões de euros em crédito aos consumidores, o que significa mais 23,9% face agosto do ano passado e um aumento de 11% face a julho.

Por componentes, destaque para os empréstimos para a compra de automóvel, que atingiram 196,967 milhões de euros em agosto, um valor que representa o máximo desde março e significa mais 32,2% em termos homólogos e 7,71% face a julho.

No crédito pessoal, a 'finalidade educação, saúde, energias renováveis e locação financeira de equipamentos' aumentou 58,5% na variação homóloga e 52,8% na variação mensal, para 4,821 milhões de euros, enquanto 'Outros Créditos Pessoais (sem finalidade específica, lar, consolidado e outras finalidades)' avançaram 23,2% em termos homólogos e 12,3% na variação mensal, para 201,854 milhões de euros.

Por fim, no crédito concedido em 'Cartões de Crédito, Linhas de Crédito, Contas Correntes Bancárias e Facilidades de Descoberto ' o montante atingiu 84,080 milhões de euros em agosto, mais 8,1% face ao mesmo mês de 2015 e 14,5% em relação a julho.

Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC