sicnot

Perfil

Economia

OPEP chegou a acordo para limitar produção de petróleo

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) anunciou hoje que alcançou um acordo para reduzir a sua produção em 1,2 milhões de barris por dia, limitando-a a 32,5 milhões de barris diários.

"Conseguimos alcançar um acordo", declarou o ministro da Energia do Qatar, Mohammed Saleh al-Sada, que preside à conferência da OPEP, após uma reunião dos 14 países do cartel em Viena.

Paralelamente, a Rússia "comprometeu-se a reduzir em 300 mil barris" a sua produção, ou seja, metade da redução pedida aos países que não fazem parte da OPEP, acrescentou.

A redução da produção da OPEP será "de 1,2 milhões de barris por dia, para um limite de 32,5 milhões de barris por dia", precisou o ministro, explicando que o acordo tem efeitos a partir de "1 de janeiro de 2017".

Os países da OPEP têm feito várias diligências nos últimos dois meses para alcançar um acordo sobre as modalidades de redução da produção, com o objetivo de aumentar os preços, numa altura em que existe um excesso de oferta.

Lusa

  • Suspeito de atropelamento mortal na Luz confessou que esteve no local
    0:45
  • Corrida à Agência Europeia Medicamento "não é fácil", admite Costa
    0:50

    Brexit

    António Costa confirmou a apresentação da candidatura para a transferência da agência europeia do medicamento de Londres para Portugal. À margem da cimeira extraordinário sobre o Brexit, o primeiro-ministro salientou a importância da instalação do instituto no país para reforçar a competitividade no setor