sicnot

Perfil

Economia

Primeiro-ministro em Vila Real com agenda dedicada às empresas e à inovação

JULIEN WARNAND

O primeiro-ministro participa esta sexta-feira no lançamento da primeira pedra de um hotel no distrito de Vila Real, onde também irá visitar uma fábrica de antenas de automóveis que prevê criar cerca de 150 empregos nos próximos dois anos.

António Costa inicia a visita ao distrito de Vila Real na fábrica de componentes para automóveis que pertence ao grupo alemão Kathrein e está instalada na zona industrial do concelho.

A Kathrein arranca em março com a segunda fase da expansão. São mais dois mil metros quadrados de área produtiva e administrativa onde vai também ser feita uma aposta no desenvolvimento de componentes.

A empresa tem neste momento 430 trabalhadores e prevê criar mais cerca de 150 empregos nos próximos dois anos.

Entre os clientes da Kathrein estão marcas como a BMW, a Mercedes, a Audi, a Volvo ou a Ford. O volume de negócios da fábrica foi de 50 milhões de euros em 2016 e perspetiva-se um aumento até aos 100 milhões de euros em 2019.

O primeiro-ministro segue depois para a Plataforma da Vinha e do Vinho, dinamizada pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), com o apoio do município de Vila Real e que está localizada no Parque de Ciência e Tecnologia - Regia Douro Park.

Esta plataforma vai dispor de 5,3 milhões de euros e 90 investigadores, liderados pelo cientista inglês Tim Hogg, para estudar a viticultura, os solos ou alterações climáticas.

À tarde, António Costa participa no lançamento da primeira pedra do Hotel "Magnificat Wine SPA 5", na Cumieira, já no concelho de Santa Marta de Penaguião.

O empreendimento é da responsabilidade do Grupo Magnificat Wine Hotelaria & Serviços e vai criar cerca de 50 postos de trabalho, representando um investimento de cerca de 5,1 milhões de euros, comparticipado por fundos comunitários.

O primeiro-ministro desce em seguida à vila de Santa Marta de Penaguião para visitar a Escola EB 2,3 de Santa Marta de Penaguião, que reabriu no ano letivo de 2015/16 depois de um investimento de três milhões de euros que foi concretizado em "tempo recorde" e com "derrapagem zero".

O novo estabelecimento escolar ocupou o espaço do antigo, que foi demolido e cujos detritos foram reaproveitados para a construção. Este ano estudam ali 213 alunos dos 2.º e 3.º ciclos. À noite, já na qualidade de secretário-geral do PS, António Costa participa num jantar em Murça com autarcas e militantes dos distritos de Vila Real e Bragança.

Lusa

  • A fuga dos PIDES
    1:16

    Perdidos e Achados

    Ao final do dia 29 de Junho de 1975, 89 agentes da PIDE fugiam da cadeia de Vale de Judeus, em Alcoentre. Mais de 40 anos depois, Perdidos e Achados recupera um dos acontecimentos do Verão Quente em Portugal. Hoje no Jornal da Noite e conteúdos exclusivos no site.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Casa Madonna di Fatima em Roma é um lar de idosos com 9 irmãs portuguesas
    4:29

    Mundo

    A mais antiga igreja dedicada à Senhora de Fátima em Roma tem mais de 50 anos. Foi construída pelas franciscanas hospitaleiras do Imaculado Coração, uma congregação fundada em Portugal. Hoje, as religiosas portuguesas gerem um lar na mesma rua, mas o templo foi entregue a uma congregação italiana.