sicnot

Perfil

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Barcelona decreta três dias de luto por vítimas da tragédia nos Alpes

O Barcelona decretou esta quarta-feira três dias de luto e que as suas equipas utilizem fumos negros na presente semana, em memória das 150 vítimas da queda de um avião de uma companhia alemã nos Alpes franceses.

Um Airbus A320 da companhia aérea alemã Germanwings, que fazia a ligação entre Barcelona e Düsseldorf, despenhou-se terça-feira nos Alpes franceses causando 150 mortos, na sua maioria alemães.

Um Airbus A320 da companhia aérea alemã Germanwings, que fazia a ligação entre Barcelona e Düsseldorf, despenhou-se terça-feira nos Alpes franceses causando 150 mortos, na sua maioria alemães.

© Emmanuel Foudrot / Reuters

Na terça-feira, as equipas profissionais de andebol e hóquei em patins jogaram com fumos negros, como acontecerá hoje com a de basquetebol, que defronta os lituanos do Zalgiris Kaunas, para a Euroliga. 

O clube catalão tem também, na sede, as suas bandeiras a meia haste.

Um Airbus A320 da companhia aérea alemã Germanwings, que fazia a ligação entre Barcelona e Düsseldorf, despenhou-se terça-feira nos Alpes franceses causando 150 mortos, na sua maioria alemães.

As causas do acidente continuam por determinar.
Lusa
  • Incêndios causaram 76 feridos no espaço de uma semana
    0:34

    País

    No espaço de uma semana, 76 pessoas ficaram feridas, incluindo seis com gravidade, durante os incêndios florestais. Na conferência de imprensa desta tarde, a Proteção Civil explicou que há cinco planos municipais de emergência ativos por causa das chamas.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.