sicnot

Perfil

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Copiloto fez cair avião nos Alpes deliberadamente

O copiloto do avião que se despenhou terça-feira nos Alpes franceses foi o responsável pela queda do avião, iniciando deliberadamente a descida e recusando abrir a porta do cockpit ao piloto, revelou hoje o principal investigador. Chamava-se Andreas Lubitz, de nacionalidade alemã e não tinha qualquer relação conhecida a terrorismo.

Anteriormente, o secretário de Estado dos Transportes francês, Alain Vidalies, tinha afirmado que "houve um pedido de ajuda registado às 10:47 horas (09:47 horas em Lisboa), que mostrava que o avião estava a 5.000 pés (1.524 metros), numa situação anormal".

Anteriormente, o secretário de Estado dos Transportes francês, Alain Vidalies, tinha afirmado que "houve um pedido de ajuda registado às 10:47 horas (09:47 horas em Lisboa), que mostrava que o avião estava a 5.000 pés (1.524 metros), numa situação anormal".

Thomas Koehler/Photothek HANDOUT

Em conferência de imprensa, o procurador Brice Robin afirmou que o copiloto estava sozinho aos comandos do avião no momento da queda e que "recusou voluntariamente abrir a porta do cockpit ao piloto e voluntariamente iniciou a descida do avião".

Os investigadores tiraram estas conclusões a partir da análise das gravações contidas numa das caixas negras do avião. Os sons sugerem que o copiloto alemão, chamado Andreas Lubitz, estava consciente e respirava até ao momento em que o aparelho se despenhou.
 
A investigação avança ainda que soou o alarme da porta do cockpit e Lubitz se  recusou abri-la ao comandante.

Sabe-se agora também que os passageiros começaram a gritar antes do impacto final e que ainda não foi encontrada a segunda caixa negra do avião. 

Andreas Lubitz não estava referenciado por qualquer ligação ao terrorismo.

A queda do avião da companhia de baixo custo alemã Germanwings provocou 150 mortos. Segundo Robin, todos tiveram morte imediata.


Com Lusa
  • Admitida hipótese de suicídio ou doença súbita do copiloto
    0:55

    Airbus cai nos Alpes

    Um dos pilotos do avião que se despenhou nos Alpes franceses saiu do cockpit e não conseguiu reentrar, adiantou uma fonte da investigação ao jornal The New York Times. Um procurador francês confirmou que era o copiloto que estava sozinho no cockpit quando o avião caiu.O presidente da operadora de Navegação Aérea (NAV), Luís Coimbra, avança com a tese de suicídio ou de doença súbita para explicar o facto de um dos pilotos não ter conseguido entrar no cockpit, momentos antes do avião se despenhar.

  • Um piloto estava fora do cockpit no momento do acidente e foi impedido de entrar
    1:53

    Airbus cai nos Alpes

    Um dos dois pilotos do A320, que caiu nos Alpes franceses com 150 pessoas a bordo, não estava no cockpit no momento do desastre e foi impedido de voltar porque a porta estava trancada. O grupo alemão Lufthansa, ao qual pertence a companhia Germanwings, referiu hoje que não poder confirmar que um dos pilotos do Airbus A-320 que se despenhou nos Alpes franceses não estava na cabine de comando no momento do acidente. O copiloto do Airbus A-320 tinha 630 horas de voo e estava ao serviço desde setembro de 2013.

  • Pablo Bravo: o chileno suspeito de um assalto milionário em Gaia
    6:01

    País

    As autoridades receiam um aumento da violência nos assaltos de redes sul-americanas em Portugal, à semelhança do que tem acontecido noutros países europeus. Pablo Bravo é um chileno com um longo cadastro criminal que, em Portugal, é suspeito de um assalto milionário a um hipermercado, em Gaia e, dias depois, foi detido em flagrante, em Paris, a tentar roubar uma loja de relógios de luxo.

    Notícia SIC

  • Obras para as novas instalações da SIC já começaram
    1:54

    País

    As obras do novo estúdio da SIC e SIC Notícias vão começar. A ampliação do edifício do grupo Impresa vai unir os funcionários do grupo num único espaço, com uma área de 750 metros. O Presidente da Câmara de Oeiras entregou esta terça-feira a licença de obra.

  • Já há destinos esgotados para o Carnaval e Páscoa
    3:08

    Economia

    A procura de viagens na altura do Carnaval e Páscoa tem vindo a aumentar e vários destinos já estão esgotados já que muitas pessoas optam por tirar dias de férias nesta altura do ano. Em contagem decrescente, as agências de viagens não têm tido mãos a medir com promoções e ofertas para destinos variados e adequados a várias bolsas.

  • As crianças que estão a morrer à fome em África

    Mundo

    A UNICEF alertou esta terça-feira que a má nutrição aguda que afeta a Nigéria, Somália, Sudão do Sul e Iémen coloca este ano em "iminente" risco de morte 1,4 milhões de crianças devido à fome que existe naqueles países. São milhares de casos de um incessante desespero numa luta diária pela sobrevivência.

  • Cães desfilam no Rio de Janeiro
    1:00

    Mundo

    O tradicional cortejo de Carnaval brasileiro só acontece daqui a uns dias, mas no Rio de Janeiro já há inúmeros desfiles pelas ruas. Na praia de Copacabana, os animais mascararam-se de humanos.