sicnot

Perfil

Ataque em Munique

Ataque em Munique

Ataque em Munique

Hillary Clinton e Donald Trump condenam tiroteio na Alemanha

© David Becker / Reuters

A democrata e provável candidata à Presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, e o candidato republicano, Donald Trump, condenaram hoje o ataque perpetrado em Munique, no sul da Alemanha, que na sexta-feira causou dez mortos, incluindo o atacante.

"Isto não pode continuar. A ascensão do terrorismo ameaça o modo de vida de todos os povos civilizados, e devemos fazer tudo ao nosso alcance para mantê-los afastados das nossas terras", disse Trump numa mensagem na sua página de Facebook.

Hillary Clinton, que hoje anunciou a escolha do seu vice-presidente para a acompanhar na candidatura às eleições presidenciais norte-americanas em novembro, disse que a matança foi "horrível" e que os Estados Unidos "apoiam a Alemanha", um país amigo.

Um jovem alemão-iraniano de 18 anos provocou o caos na capital da Baviera depois de abrir fogo numa zona comercial da cidade de Munique e matar a tiro nove pessoas.

O cadáver do autor dos disparos foi descoberto a cerca de um quilómetro do local, pelas autoridades, que hoje em conferência de imprensa disseram que os motivos do ataque eram ainda desconhecidos.

Por sua vez, o porta-voz da Casa Branca, John Earnest, afirmou que "a determinação da Alemanha, Estados Unidos e de toda a comunidade internacional vai manter-se firme perante atos de violência desprezível como este".

Lusa

  • Ataque a centro comercial de Munique faz 10 mortos

    Mundo

    O ataque ao centro comercial de Munique, na Alemanha, provocou 10 mortos, incluindo o atirador, e 27 feridos, três em estado grave. As autoridades acreditam que os disparos partiram de um único homem que ter-se-á suicidado a um quilómetro do centro comercial onde aconteceram os disparos.

  • Polícia alemã desconhece razões do ataque em Munique
    2:35

    Mundo

    A polícia alemã acredita que o autor do ataque ao centro comercial de Munique agiu sozinho mas desconhece as razões dos disparos. O rapaz de 18 anos tem nacionalidade alemã e iraniana, vivia na cidade e ter-se-á suicidado depois do ataque. Dez pessoas morreram, incluindo o atacante e 16 ficaram feridas, três estão em estado grave.

  • O filme dos acontecimentos em Munique
    2:15

    Ataque em Munique

    Um tiroteio no centro de comercial de Olympia, em Munique, fez pelo menos 10 mortos e 10 feridos. A polícia alemã montou uma mega operação para capturar o atirador. Durante várias horas os transportes deixaram de circular e foi declarado estado de emergência. Já ao início da madrugada, as autoridades confirmaram que o atirador é uma das vítimas mortais.

  • A fuga dos PIDES
    1:16

    Perdidos e Achados

    Ao final do dia 29 de Junho de 1975, 89 agentes da PIDE fugiam da cadeia de Vale de Judeus, em Alcoentre. Mais de 40 anos depois, Perdidos e Achados recupera um dos acontecimentos do Verão Quente em Portugal. Hoje no Jornal da Noite e conteúdos exclusivos no site.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Casa Madonna di Fatima em Roma é um lar de idosos com 9 irmãs portuguesas
    4:29

    Mundo

    A mais antiga igreja dedicada à Senhora de Fátima em Roma tem mais de 50 anos. Foi construída pelas franciscanas hospitaleiras do Imaculado Coração, uma congregação fundada em Portugal. Hoje, as religiosas portuguesas gerem um lar na mesma rua, mas o templo foi entregue a uma congregação italiana.