sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Torre Eiffel, Eurodisney e Louvre encerrados

A Torre Eiffel, o complexo de parques temáticos da Eurodisney e o Museu do Louvre, manterão hoje as portas fechadas, devido à série de atentados na sexta-feira em Paris, que causou pelo menos 127 mortos e 180 feridos.

© Yves Herman / Reuters

Um porta-voz da emblemática "dama de ferro" de Paris disse à agência espanhola Efe que o encerramento do monumento corresponde às medidas decretadas pelo presidente de França, François Hollande, e pelo governo francês.

Os parques Disneyland e Disney Studios, situados na localidade de Marne-la-Vallée, na periferia parisiense, nem sequer abriram hoje ao público.

"À luz dos trágicos acontecimentos ocorridos em França e apoio da nossa comunidade às vítimas destes ataques atrozes, a Disneyland Paris decidiu não abrir os parques temáticos este sábado", anunciou a empresa em comunicado.

Os responsáveis pela empresa acrescentaram que os seus "pensamentos e orações" vão para todos aqueles que foram afetados por estes "horríveis acontecimentos".

O Museu do Louvre, abriu às 09:00 locais e fechou duas horas depois, por ordem do Ministério da Cultura, disse à Efe um responsável, referindo que o número de visitantes não foi elevado durante o tempo em que permaneceu aberto.

Os ataques sucederam-se na sexta-feira após as 21:00 locais (20:00 TMG) em plenos menos seis lugares diferentes de Paris e em torno do Estádio de França, na periferia norte da capital francesa.

O local onde aconteceram mais mortes foi a sala de espetáculos Bataclan, onde pelo menos quatro assaltantes irromperam durante um concerto de rock do grupo norte-americano Eagles of Death e acabaram com a vida de cerca de 80 pessoas num estabelecimento com capacidade para 1.500.

Lusa

  • Atropelamento em Copacabana fere 15 e mata bebé de 18 meses
    1:13

    Mundo

    Pelo menos uma pessoa morreu e 15 ficaram feridas num atropelamento na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, no Brasil. O condutor, um homem de 41 anos, diz ter perdido o controlo do carro, invadiu a calçada, percorreu 15 metros e só parou no areal de uma das zonas mais turísticas do Brasil. A polícia militar confirmou, entretanto, em comunicado que não há qualquer indício de que se tenha tratado de um ataque terrorista e avançou que o condutor sofreu um ataque de epilepsia.

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45
  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38