sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Porta-aviões Charles-de-Gaulle ruma ao Mediterrâneo oriental

O porta-aviões francês Charles-de-Gaulle, com 26 aviões de combate a bordo, zarpou hoje do porto de Toulon (sudeste da França) em direção ao Mediterrâneo oriental, onde vai participar no combate ao grupo Estado Islâmico (EI).

Porta-aviões francês Charles de Gaulle.

Porta-aviões francês Charles de Gaulle.

Christophe Ena / EPA

Após os mortíferos atentados de sexta-feira, o Presidente francês François Hollande "decidiu envolver" o grupo aeronaval "no Mediterrâneo oriental, antes de o reunir, se necessário, no golfo arábico-persa", indicou o almirante René-Jean Crignola, comandante do grupo aeronaval, citado pela agência noticiosa AFP.

O Charles-de-Gaulle e os seus 26 caças -- 18 Rafale e oito Super-Etandard -- deverão chegar a essa região dentro de pouco dias, ao largo da Síria ou do Líbano, e quando se previa cerca de um mês para alcançar o golfo arábico-persa, a sua missão inicial.

"Nos próximos dias, a chegada ao teatro dos caças do grupo aéreo embarcado vai triplicar as atuais capacidades de ação da França", sublinhou Crignola, que comanda a totalidade da Task Force 476, que inclui para além do grupo aeronaval francês, diversos navios estrangeiros, onde se incluem uma fragata britânica e outra belga, o Leopoldo I.

"Em 13 de novembro a França foi atacada no seu território pelo Daech [acrónimo árabe do EI], que cometeu atentados terroristas simultâneos em Paris que provocaram centenas de vítimas. Em 16 de novembro, o Presidente da República anunciou perante o Congresso a intensificação das operações militares contra o Daesh, designadamente na Síria", explicou Crignola.

O porta-aviões francês cumpre a sua terceira missão nesta zona nos últimos dois anos.

Dois dias após os ataques de Paris e Saint-Denis, a aviação francesa bombardeou intensamente, na noite de domingo, a cidade de Raqa, a capital que o EI estabeleceu no norte da Síria.

Num 'raide' com uma amplitude sem precedentes desde os primeiros ataques franceses na Síria no início de setembro, dois caças-bombardeiros lançaram 20 bombas sobre um posto de comando e um centro de treinos do EI.

"Prosseguiremos os ataques durante as próximas semanas (...) Não haverá qualquer abrandamento nem qualquer trégua", disse Hollande perante os deputados.

"A França está em guerra (...) Estamos em guerra contra o terrorismo 'jihadista' que ameaça o mundo inteiro", acrescentou.

Lusa

  • Quem deve ser o próximo treinador do FC Porto?

    Desporto

    Nuno Espírito Santo já não é treinador do FC Porto. O técnico e o clube chegaram a acordo mútuo para a rescisão do contrato, que o ligava por mais uma temporada aos dragões. Nuno Pinto da Costa tem agora que encontrar um novo treinador para orientar dos "dragões". Os nomes em cima da mesa são vários. Diga-nos quem deve ser o novo treinador do FC Porto.

  • Os treinadores do FC Porto desde o último título 

    Desporto

    Nunca o FC Porto esteve quatro anos consecutivos sem ganhar um título durante a presidência de Nuno Pinto da Costa. A ausência de vitórias teve início na época de 2013/14, quando começou uma autêntica dança de treinadores.

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Divulgado vídeo dos bambardeamentos contra o Daesh no Iraque
    0:42
  • Leão-marinho arrasta criança de doca em Vancouver
    0:51

    Mundo

    O momento em que um leão-marinho arrasta uma menina para a água foi gravado e publicado na internet. Sem nada que fizesse prever, o animal puxou a criança que estava sentada numa doca em Vancouver, no Canadá. A criança foi resgatada de imediato por um familiar e apesar do susto não sofreu ferimentos. O momento de aflição foi testemunhado por vários turistas.