sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Polícia francesa difunde foto de terceiro suicida junto a estádio de futebol

A polícia francesa difundiu hoje a fotografia do terceiro suicida que perpetrou o atentado, há uma semana, junto ao estádio de futebol de Saint-Denis, em Paris, para obter informações sobre o homem.

SIC

SIC

A foto foi divulgada na conta oficial da polícia na rede social Twitter, com a indicação de que se trata do terceiro autor, falecido, do atentado cometido a 13 de novembro perto do Estádio de França.

A polícia apela a que todos os que possam ter informações sobre o homem telefonem para o número 197.

Segundo a comunicação social, o 'homem-bomba' foi controlado na ilha grega de Leros, a 03 de outubro, juntamente com outro dos suicidas do estádio, cuja fotografia foi difundida na terça-feira, sem que tenha sido ainda identificado.

A polícia já tinha confirmado que perto do Estádio de França, no qual as seleções de França e Alemanha disputavam um jogo amigável, se suicidara Bilal Hadfi, um francês de 20 anos residente na Bélgica.

O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, defendeu na quinta-feira, em declarações a um canal televisivo, que alguns dos autores dos atentados beneficiaram da mais recente crise migratória para entrarem em França.

Os atentados de 13 de novembro, em Paris, sete ao todo, incluindo o do estádio de futebol, mataram 130 pessoas, incluindo dois portugueses, e feriram cerca de 350.

Lusa

  • Três irmãos resgatados dos escombros em Itália
    1:24
  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".

  • Governo quer entregar OE 2018 a 13 de outubro
    1:33
  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.