sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Encontrado cinto de explosivos nos arredores de Paris

Um cinto, que poderá ser comparado a um cinto de explosivos, foi esta segunda-feira encontrado em Montrouge, nos arredores de Paris, dez dias depois dos ataques, que provocaram a morte a 130 pessoas, disseram fontes policiais.

A operação implicou a formação de um cordão policial naquela área.

A operação implicou a formação de um cordão policial naquela área.

© Eric Gaillard / Reuters

O objeto foi encontrado "ao final da tarde num caixote de lixo", disseram as mesmas fontes.

Segundo fonte ligada à investigação, Salah Abdeslam, irmão de um bombista suicida e suspeito chave dos ataques de dia 13 de novembro, foi localizado por telefone na noite dos atentados próximo de Montrouge, no município vizinho de Châtillon.

Salah Abdeslam, um francês de 26 anos residente na Bélgica, pode ser o único autor direto dos atentados de Paris ainda vivo.

Ativamente procurados pelas autoridades, o homem é suspeito de ter desempenhado, pelo menos, um papel logístico nos assassínios.

Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.