sicnot

Perfil

Atentado em Nice

Pelo menos 84 mortos e mais de 100 feridos no ataque em Nice

Pelo menos 84 mortos e mais de 100 feridos no ataque em Nice

A França voltou a ser vítima de um ataque terrorista, ontem à noite. Em plena celebração do Dia da Bastilha, um camião foi de encontro a uma multidão que assistia ao fogo de artifício, numa das principais avenidas de Nice. O condutor disparou várias vezes antes de ser abatido. Pelo menos 84 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas, 18 delas em estado grave, segundo o último balanço.

Última atualização às 11:31

O autor do ataque será um homem de 31 anos franco-tunisino, nascido na Tunísia e a residir em Nice. A polícia francesa confirma que foi encontrada uma cartão de identificação no camião, mas ainda não há confirmação de ADN.

O homem não constava na lista de suspeitos vigiados dos serviços de informações franceses mas era conhecido pelas autoridades por crimes como roubo e violência. Não estão confirmadas ligações ao Daesh.

Segundo o mais recente balanço, dado pelo ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, pelo menos 84 pessoas foram mortas e mais de cem ficaram feridas depois de o camião ter atingido, na noite de quinta-feira, uma multidão na avenida marginal da cidade, a Promenade des Anglais, que assistia a um fogo-de-artifício para celebrar o dia nacional de França.

O condutor do camião disparou várias vezes antes de ser abatido pela polícia. "Ele atirou várias vezes", afirmou o presidente da região de Provence-Alpes-Cote d'Azur, Christian Estrosi.

Uma fonte próxima da investigação, citada pela agência AFP, indicou, por seu turno, que uma granada "inoperacional" foi encontrada no interior do camião de 19 toneladas, a par com "uma série de falsas caçadeiras".

As autoridades francesas consideram estar perante um atentado terrorista e o Presidente da França, François Hollande, anunciou o prolongamento por mais três meses do estado de emergência que vigora no país desde o ano passado.

A autoria do ataque ainda não foi reivindicada.

O deputado regional Eric Ciotti descreveu "as imagens aterradoras, uma cena de absoluto horror, com muitas crianças entre os mortos".

Com Lusa

  • As confissões de Sérgio Conceição: do futuro no FC Porto à zanga com Rui Vitória 
    43:14
  • Marcelo descobre que vê mal "ao longe à esquerda"
    2:05

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa recebeu uma declaração dos médicos contra a despenalização da eutanásia. A audiência ao atual bastonário e cinco antecessores acontece a uma semana do tema ir a debate no Parlamento, e no dia em que o Presidente da República foi a estrela do Dia da Segurança Infantil. Marcelo aproveitou para fazer um rastreio à visão e concluiu que tem que estar "atento", à esquerda, ao longe".

  • PS "vai ficar em banho-maria durante anos" por causa de Sócrates
    0:59

    País

    Miguel Sousa Tavares considera que o PS vai ficar em "banho-maria" durante anos por causa de José Sócrates. Em entrevista na SIC Notícias, o comentador criticou os dirigentes socialistas pela forma como se tentaram demarcar do ex-primeiro-ministro e disse que António Costa devia ter tomado uma atitude mais concreta.

  • Sabia que pode emprestar dinheiro a empresas e ganhar 7% em juros por ano?
    8:05
  • É desta que provam a existência do monstro de Loch Ness?

    Mundo

    Para muitos, o monstro de Loch Ness não passa de uma lenda. A verdade é que a existência ou não desta criatura mística continua a suscitar debates entre aqueles que acreditam e os cépticos. Uma equipa internacional de investigadores quer responder finalmente à questão através da recolha de ADN ambiental do Loch Ness, na Escócia.

    SIC