sicnot

Perfil

Atentado em Nice

Cinco suspeitos do atentado em Nice vão ser hoje presentes à justiça francesa

© Jean-Pierre Amet / Reuters

Cinco detidos por suspeita de terem estado em contacto com o autor do atentado de 14 de julho em Nice vão hoje ser presentes à justiça, informou a Procuradoria francesa.

Os suspeitos foram detidos na semana passada. As cinco pessoas, quatro homens com idades entre 22 e 40 anos e uma mulher, alegadamente estiveram em contacto com o autor do atentado, identificado como Mohamed Lahouaiej Bouhlel, ou são suspeitos de lhe terem fornecido uma arma, uma pistola automática, com a qual o tunisino atirou contra os polícias ao volante de um camião.

No passado dia 14, um camião avançou durante dois quilómetros sobre uma multidão na Promenade des Anglais (Passeio dos Ingleses), em Nice, que estava a assistir ao fogo-de-artifício para celebrar o dia de França.

O último balanço das autoridades francesas aponta para 84 mortos e 202 feridos.

O condutor do camião foi abatido pela polícia.

As autoridades francesas consideraram estar-se perante um atentado e o Presidente da França, François Hollande, anunciou o prolongamento por mais seis meses do estado de emergência que vigora no país desde o ano passado. O prolongamento do estado de emergência já foi aprovado na Assembleia Nacional francesa, aguardando-se agora a aprovação no Senado.

O grupo extremista Estado Islâmico reclamou a autoria do atentado.

Lusa

  • Estacionamento às portas de Lisboa por 50 cêntimos/dia
    1:55

    País

    Lisboa vai ter novos parques de estacionamento, em zonas periféricas. O estacionamento vai custar 50 cêntimos por dia para condutores que tenham um título de transporte público válido.  A EMEL quer evitar a entrada de tantos carros no centro da cidade.