sicnot

Perfil

Avião desaparecido no Mediterrâneo

Avião desaparecido no Mediterrâneo

Avião desaparecido no Mediterrâneo

"Não há absolutamente nenhuma indicação" de causas da queda de avião da EgyptAir

O chefe da diplomacia francesa, Jean-Marc Ayrault, afirmou hoje que "não há absolutamente nenhuma indicação sobre as causas" ao desparecimento do avião da EgyptAir, em relação ao qual as autoridades egípcias levantaram a possibilidade de ato terrorista.

© Amr Dalsh / Reuters

"Todas as hipóteses são examinadas mas nenhuma é privilegiada, porque não temos absolutamente nenhuma indicação das causas", declarou M. Ayrault ao canal de televisão France 2, acrescentando que no sábado se vai reunir com as famílias dos passageiros e os representantes de Estado "para prestar o máximo de informações com toda a transparência".

O aparelho, um airbus 320, descolou de Paris rumo ao Cairo na noite de quarta-feira, e desapareceu ao início da madrugada ao entrar no espaço aéreo egípcio.

A bordo seguiam 66 passageiros, incluindo um português, sete tripulantes e três agentes da segurança.

Lusa

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..