sicnot

Perfil

Banif

Governo admite erro grave de Carlos Costa no caso Banif

Governo admite erro grave de Carlos Costa no caso Banif

O Governo admite que o governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, cometeu uma falha grave na transmissão de informação sobre o BANIF, mas remete a avaliação do caso para a Comissão Parlamentar de Inquérito. O Presidente da República apela à estabilidade financeira e ao regular funcionamento das instituições.

  • Governador do Banco de Portugal debaixo de fogo
    2:25

    Banif

    O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, está a ser pressionado para sair. À exceção do PSD, os partidos políticos estão unidos nesta pretensão mas o processo está pendente de ficar provado que houve falha grave de Carlos Costa. O Governador do Banco de Portugal argumenta que foi o sigilo que o impediu de informar o Governo sobre a sugestão ao BCE de limitar o financiamento ao Banif.

  • Centeno acusa Carlos Costa de falhar na transmissão de informação
    0:30

    Banif

    O ministro das Finanças volta a afirmar que o Governador do Banco de Portugal Carlos Costa cometeu uma "falha grave de transmissão de informação" na questão do Banif. Numa entrevista dada à RTP esta noite em Washington, Mário Centeno foi questionado sobre uma eventual demissão do Governador do Banco de Portugal e respondeu que sobre esse assunto há uma comissão de inquérito a avaliar a situação.

  • Os números das eleições francesas
    0:50

    Eleições França 2017

    Os resultados definitivos mostram que Emmanuel Macron obteve 24% dos votos, na primeira volta das eleições francesas. Ficou quase três pontos à frente de Marine Le Pen, que conseguiu 21,3%. Os números oficiais, publicados pelo Ministério do Interior, dão ainda conta da taxa de abstenção: 22,2%, um ligeiro aumento face à primeira volta das presidenciais de 2012.

  • Estarão os portugueses a consumir vitamina D em excesso? 
    6:44
  • Investigadores criam nanovacina contra diferentes cancros

    Mundo

    Investigadores da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, desenvolveram uma nanovacina (vacina administrada através de partículas microscópicas) contra diferentes cancros, como o da pele, do cólon e do reto, numa experiência com ratos, revela um estudo publicado esta segunda-feira.