sicnot

Perfil

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit

UE nomeia Didier Seeuws para negociar o Brexit

O diplomata belga Didier Seeuws foi nomeado pela União Europeia para dirigir a equipa encarregada de negociar a saída do Reino Unido da UE, indicam a AFP e a EFE, que citam fontes comunitárias não identificadas.

© Toby Melville / Reuters

Seeuws, de 50 anos, era até agora diretor dos departamentos do Transporte, Telecomunicações e Energia do Conselho Europeu.

O diplomata belga foi porta-voz do antigo primeiro-ministro liberal belga, Guy Verhofstadt, atualmente deputado europeu, e também chefe de gabinete do compatriota Herman van Rompuy, primeiro presidente permanente do Conselho Europeu, até novembro de 2014.

O Reino Unido votou na passada quinta-feira a favor de uma saída da União Europeia num referendo não vinculativo, resultado que levou ao anúncio de demissão do chefe do Governo britânico, David Cameron.

O Governo britânico deve agora criar as condições para a aprovação pelo Parlamento britânico da decisão de saída da União Europeia e, em seguida, invocar o artigo 50º do Tratado de Lisboa, ou seja a cláusula de retirada voluntária e unilateral da UE, até agora nunca invocada.

As negociações para o abandono da União Europeia podem demorar até dois anos após a notificação formal da intenção de saída por parte do Reino Unido, de acordo com o mesmo artigo, período durante o qual será determinada a natureza da nova relação entre britânicos e europeus.

Lusa

  • Tsipras culpa líderes europeus pela vitória do Brexit
    0:46

    Brexit

    Alexis Tsipras afirma que os verdadeiros culpados pela vitória do Brexit são os líderes europeus, responsáveis por uma europa que só está unida no nome. O primeiro-ministro grego lembra que as políticas de austeridade e a retórica anti-emigração há muito que alimentam o populismo e os nacionalismos.

  • Brexit trouxe incerteza aos portugueses no Reino Unido
    2:21

    Brexit

    O Reino Unido é o principal destino da emigração portuguesa, e só em Londres, na zona de stockwell, estima-se que vivam cerca de 40 mil portugueses. Entre eles, a SIC encontrou um emigrante que chegou a Inglaterra numa altura em que Portugal que ainda não fazia parte da União Europeia.

  • Admissão de efetivos nas Forças Armadas aquém do pedido pelas chefias
    1:42

    País

    O Ministério das Finanças autorizou a admissão de mais efetivos nas forças armadas, este ano mas a integração fica muito abaixo do número pedido pelas chefias militares. Mário Centeno só terá autorizado a integração de cerca de três mil militares em vez das cinco mil vagas propostas pelas chefias do Exército, Força Aérea e Marinha.

  • Pyongyang acusa Washington de atirar "achas para a fogueira"
    1:47

    Mundo

    A Coreia do Sul e os Estados Unidos iniciaram esta segunda-feira exercícios militares conjuntos. As manobras militares procuram ensaiar respostas a uma hipotética invasão da Coreia do Norte. Pyongyang já reagiu e diz que Washington está a atirar "achas para a fogueira". 

  • "É muito importante que os EUA mostrem determinação política e militar"
    0:50

    Mundo

    Os exércitos da Coreia do Sul e dos Estados Unidos iniciaram hoje as manobras anuais numa altura marcada pela recente escalada de tensão entre Pyongyang e Washington. Para Miguel Monjardino, comentador da SIC, estes exercícios militares são encarados como uma provocação para a Coreia do Norte. Monjardino defende que é importante que os EUA mostrem determinação no atual clima de tensão nuclear.

  • China prepara-se para inaugurar comboio mais rápido do mundo
    1:08
  • Morreu o rei da comédia
    2:08

    Cultura

    Um dos grandes nomes do humor norte-americano morreu ontem, aos 91 anos. Jerry Lewis era comediante, ator, argumentista, cantor e realizador. Considerado o rei da comédia, Lewis influenciou diferentes gerações de comediantes e foi defensor de várias causas humanitárias, entre as quais a distrofia muscular.

  • A insólita entrevista de Jerry Lewis que se tornou viral
    2:39

    Cultura

    Jerry Lewis concedeu no início deste ano uma entrevista insólita que se tornou viral nas redes sociais. O comediante decidiu, pura e simplesmente, não colaborar com o entrevistado. Lewis tinha na altura 90 anos e continuava a trabalhar, tendo participado no filme "Max Rose", em 2016.