sicnot

Perfil

Caso CGD

Caso CGD

Caso CGD

Standard & Poor's considera que saída de António Domingues não afeta a CGD

A Standard & Poor's considera que a saída de António Domingues da presidência da Caixa Geral de Depósitos não afeta o banco e, por isso, decidiu não mexer na nota atribuída ao banco público.

A agência de notação financeira mantém a perspetiva positiva em relação à CGD porque acredita que o plano de recapitalização acordado entre o Governo e a Comissão Europeia não vai sofrer alterações e reforça ainda que o executivo de António Costa prometeu, para breve, anunciar o nome do substituto de Domingues.

Este optimismo da Standard & Poor's constrasta com a posição da agência canadiana DBRS, que ainda ontem colocou o rating da CGD sob vigilância negativa, precisamente por causa das polémicas das últimas semanas em torno do banco.

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa para receber dois beijos. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Letizia, uma rainha da nova geração
    2:01