sicnot

Perfil

Caso CGD

Caso CGD

Caso CGD

Marcelo aceitou manutenção da confiança em Mário Centeno

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, referiu esta segunda-feira que aceitou a posição do primeiro-ministro de manter a confiança no ministro da Finanças, Mário Centeno, "atendendo ao estrito interesse nacional, em termos de estabilidade financeira".

Numa nota divulgada esta noite na página da Presidência da República, é referido que o chefe de Estado recebeu, a pedido do primeiro-ministro, o ministro das Finanças, antes da conferência de imprensa que Mário Centeno deu ao final da tarde.

No último ponto da nota, em que são relatados alguns factos desse encontro, lê-se que, "ouvido o senhor primeiro-ministro, que lhe comunicou manter a sua confiança no senhor professor Doutor Mário Centeno", o Presidente da República "aceitou tal posição, atendendo ao estrito interesse nacional, em termos de estabilidade financeira".

  • "Erro de perceção mútuo" entre Centeno e Domingues
    1:58

    Caso CGD

    No arranque de mais uma semana com o ministro das Finanças debaixo de fogo por causa da CGD, António Costa reafirma total confiança em Mário Centeno. O ministro das Finanças reafirmou esta segunda-feira que nunca mentiu e que nunca houve acordo para isentar os administradores da Caixa Geral de Depósitos, de apresentarem as declarações de rendimentos e património ao Tribunal Constitucional.

  • Ministro das Finanças debaixo de fogo
    1:10

    Caso CGD

    Horas antes das explicações do ministro das Finanças, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares saiu em defesa de Mário Centeno, numa entrevista ao jornal online Eco. Ao mesmo tempo, o PSD pedia a presença de António Domingues, de novo no Parlamento, para esclarecer se houve ou não um acordo que o dispensasse da entrega de declarações. Os sociais-democratas não acreditam nas palavras do ministro das Finanças.

  • Seca agrava prejuízos agrícolas no Alentejo
    2:11
  • Al Gore e Garry Kasparov vão estar na Web Summit

    Web Summit

    Al Gore, antigo vice-Presidente dos Estados Unidos da América, Garry Kasparov, lendário jogador de xadrez, e Steve Huffman, o dirigente e cofundador da rede social Reddit são os novos nomes anunciados para a 2.ª Web Summit em Lisboa.

  • Estudantes universitários poderiam estar a pagar propinas mais baixas
    2:02

    País

    Os alunos universtários poderiam estar a pagar propinas mais baixas do que pagam atualmente. A situação foi denunciada pela Federação Académica do Porto, que diz que os estudantes estão a pagar cerca de 100 euros a mais do que deviam. O INE admite, num documento enviado ao Governo, que pode existir um método melhor para o cálculo destes valores.