sicnot

Perfil

Cimeira do Clima

Cimeira do Clima

Cimeira do Clima

Ano 2015: o mais quente de todo o sempre

O ano de 2015 está na iminência de se tornar no ano mais quente alguma vez registado, revelou hoje a agência da ONU para as alterações climáticas (OMM). O mês de outubro já foi classificado como o mais quente da história desde que se começaram a recolher dados meteorológicos em 1880.

© Ronen Zvulun / Reuters

"A tendência que se regista em 2015 deixa supor que este ano será o mais quente jamais registado", revela a OMM, uma vez que os primeiros 10 meses de 2015 foram os mais quentes de sempre.

No relatório divulgado a uma semana da Cimeira do Clima em Paris, a OMM indica igualmente que "os anos de 2011 a 2015 representam o período de cinco anos mais quente jamais registado, tendo sido influenciados pelas alterações climáticas numerosos fenómenos meteorológicos extremos -- em particular as vagas de calor".

"O estado do clima mundial em 2015 ficará como referência por uma série de razões", declarou o secretário-geral da OMM, Michel Jarraud.

Precisou que, além da questão da temperatura média à superfície, "as concentrações de gás com efeito de estufa na atmosfera atingiram novos picos: na primavera boreal de 2015, pela primeira vez, o teor de CO2 na atmosfera ultrapassou as 400 partes por milhão numa média mundial".

Considerando tratar-se de "notícias tristes" para o planeta, Jarraud assinalou que "é possível limitar as emissões de gases com efeito de estufa, que estão na origem das alterações climáticas".

"Dispomos do conhecimento e dos instrumentos necessários para agir. Temos escolha, o que não será o caso das gerações futuras", adiantou.

  • "Joguem à bola"
    1:35

    Desporto

    Cerca de uma centena de adeptos do Sporting esperaram até perto das 3:00 pela chegada da equipa ao estádio de Alvalade. Depois da eliminação da Taça de Portugal, em Chaves, foi necessário o reforço policial para garantir a segurança da comitiva leonina.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Obama encurta pena de delatora do Wikileaks
    1:45
  • Putin sai em defesa de Trump
    2:29

    Mundo

    Vladimir Putin já saiu em defesa de Donald Trump e diz que houve uma tentativa de minar o Presidente eleito dos Estados Unidos, através de um alegado relatório, atribuido à espionagem russa. Putin diz que o relatório é falso.