sicnot

Perfil

Cimeira do Clima

Cimeira do Clima

Cimeira do Clima

Secretário-geral da ONU confiante em acordo positivo em Paris

O secretário-geral das Nações Unidas transmitiu hoje confiança na obtenção de um acordo positivo pela conferência do clima que decorre em Paris até sexta-feira.

© Philippe Wojazer / Reuters

"Apesar de ainda existirem questões pendentes, estou cada vez mais confiante ao constatar que existe um crescente impulso político e que os líderes mostraram um forte compromisso ao indicar aos negociadores que é o momento certo para atuar", referiu Ban Ki-moon.

O responsável da ONU falava durante a sua visita à Finlândia no âmbito das comemorações do 60.º aniversário da entrada deste país nas Nações Unidas.

Ban Ki-moon reiterou o apelo aos países desenvolvidos a que assumam a sua responsabilidade histórica no aquecimento do planeta e proporcionem os recursos financeiros e científicos necessários para enfrentar o problema das alterações climáticas.

Representantes de 196 países estão em Paris a participar na conferência da ONU para o clima e a tentar chegar a um acordo vinculativo para a redução de gases com efeito de estufa e para o financiamento da adaptação às alterações climáticas.

O secretário-geral da ONU também pediu aos países em vias de desenvolvimento que "façam mais", dentro das suas possibilidades, para travar as alterações climáticas, que afetam todo o mundo.

"Este é um momento crítico [para que] todos os países se unam para o bem do nosso planeta e da humidade", realçou.

Lusa

  • Mundo caminha para "catástrofe climática", alerta Ban Ki-moon
    1:32

    Cimeira do Clima

    Arrancou hoje a semana decisiva na Conferência do Clima, em Paris. No chamado "segmento de alto nível", os ministros do Ambiente de 195 países vão tentar chegar a um acordo mundial para enfrentar as alterações climáticas. Na cerimónia de abertura, o secretário-geral das Nações Unidas alertou os ministros que o tempo se está a esgotar em direção à catástrofe climática.

  • Vaticano exibe imagens e mensagem de apelo à defesa do ambiente
    1:10

    Mundo

    Pandas, elefantes, leões, bem como imagens alusivas às alterações climáticas, encheram ontem a fachada e a cúpula da Basílica de São Pedro, no Vaticano. Mais de 100 mil pessoas assistiram ao espetáculo "Faça-se Luz", que pretende sensibilizar os católicos para a questão das alterações climáticas, na semana em que decorre a Cimeira do Clima em Paris.

  • Ministro diz que objetivo de Portugal é um futuro sem emissões de carbono
    1:55

    Cimeira do Clima

    Na Cimeira do Clima em Paris, o ministro português do Ambiente disse que é preciso aumentar a oferta de transporte coletivo e apoiar outros meios de transporte, como a bicicleta. Matos Fernandes discursou perante o plenário, onde defendeu também um acordo mundial com revisões dos compromissos de redução de emissões de cinco em cinco anos. O ministro promete apostar na mobilidade sustentável e na reabilitação urbana. E, sustentou que o objetivo de Portugal é um futuro sem emissões de carbono.

  • Habitantes de Almeida barricaram-se durante seis horas em agência da CGD
    2:31

    País

    Perto de 100 pessoas estiveram esta quarta-feira barricadas na agência da Caixa Geral de Depósitos em Almeida, distrito da Guarda. O protesto contra o encerramento da agência só terminou quase seis horas depois, com a garantia que os autarcas serão recebidos na próxima terça-feira pela Administração do banco público. 

  • Carro que atropelou adepto encontrado na casa de um amigo do suspeito
    2:18

    Desporto

    O carro que terá atropelado o adepto italiano que morreu junto ao Estádio da Luz foi encontrado esta terça-feira, numa garagem na Amadora, na casa de um amigo do suspeito. Trata-se de um homem na casa dos 30 anos que pertence à claque No Name boys e é agora procurado pela Polícia Judiciária.

  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Web Summit inaugura primeiro escritório fora da Irlanda em Lisboa
    1:58

    Web Summit

    A Web Summit inaugurou em Lisboa o primeiro escritório fora da Irlanda, que vai dar emprego a 20 pessoas, algumas portuguesas. O próximo objectivo é alargar eventos a outros pontos do país. A conferência internacional regressa a Lisboa entre 6 e 9 de novembro e a organização espera ter 60 mil participantes.

  • Trump volta a apelar ao fim do programa nuclear de Pyongyang
    1:43

    Mundo

    Donald Trump voltou a apelar à Coreia do Norte para que abandone o programa nuclear e opte pela via do diálogo. O Presidente dos Estados Unidos chamou à Casa Branca, para uma reunião extraordinária, todos os senadores norte-americanos para serem informados sobre a atual crise com a Coreia do Norte.

  • Ivanka Trump vaiada por defender o pai durante debate sobre igualdade de género
    1:51

    Mundo

    Com o propósito de criar pontes com Donald Trump, a chanceler alemã Angela Merkel convidou a filha mais velha do Presidente norte-americano para participar numa cimeira. No entanto as coisas não correram muito bem e Ivanka Trump foi vaiada pela audiência por ter defendido o pai quando o assunto era a igualdade de género. 

  • Papa apelou à revolução da ternura
    0:52
  • Irmã da mulher mais pesada do mundo acusa hospital de mentir

    Mundo

    A irmã da mulher egípcia que se acreditava ser a mais pesada do mundo acusou os médicos de mentirem acerca da sua perda de peso. No entanto, o hospital que realizou a cirurgia bariátrica já respondeu às acusações, defendendo que a mulher pesa agora 172 quilos.

  • Diário de John F. Kennedy vendido por 660 mil euros

    Mundo

    Um diário escrito por John F. Kennedy quando jovem, durante uma curta passagem pelo jornalismo, depois da II Guerra Mundial, foi vendido por mais de 700 mil dólares (642 mil euros), informou esta quarta-feira uma casa de leilões.