sicnot

Perfil

Cimeira do Clima

Cimeira do Clima

Cimeira do Clima

Projeto de acordo final da Cimeira do Clima adiado para sábado de manhã

O projeto de acordo final para o combate às alterações climáticas, que deveria ser apresentado hoje na cimeira mundial do clima que decorre em Paris, foi adiado para sábado de manhã, anunciou a presidência francesa.

© Stephane Mahe / Reuters

"Preferimos dar tempo para consultas com as delegações ao longo de todo o dia de sexta-feira" antes de apresentar o texto final para ser adotado em plenário, precisou a mesma fonte, citada pela AFP.

O texto "vai ser apresentado logo cedo na manhã de sábado para adoção ao meio-dia", acrescentou, depois de uma segunda noite em claro para os representantes de 195 países reunidos há duas semanas em Bourget, no norte da capital francesa, no âmbito da conferência do clima (COP21).

"As coisas estão a ir na direção certa", disse o presidente da COP21 e ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Laurent Fabius, que afirmou esperar estar em condições de apresentar uma versão final do acordo no dia de hoje.

Os delegados deixaram a sala de negociações pouco antes das 06:00 (menos uma hora em Lisboa).

A conferência tem como objetivo alcançar um acordo global para a redução de emissões de gases com efeito de estufa, em substituição do Protocolo de Quioto.

Lusa

  • Vaticano exibe imagens e mensagem de apelo à defesa do ambiente
    1:10

    Mundo

    Pandas, elefantes, leões, bem como imagens alusivas às alterações climáticas, encheram ontem a fachada e a cúpula da Basílica de São Pedro, no Vaticano. Mais de 100 mil pessoas assistiram ao espetáculo "Faça-se Luz", que pretende sensibilizar os católicos para a questão das alterações climáticas, na semana em que decorre a Cimeira do Clima em Paris.

  • Ministro diz que objetivo de Portugal é um futuro sem emissões de carbono
    1:55

    Cimeira do Clima

    Na Cimeira do Clima em Paris, o ministro português do Ambiente disse que é preciso aumentar a oferta de transporte coletivo e apoiar outros meios de transporte, como a bicicleta. Matos Fernandes discursou perante o plenário, onde defendeu também um acordo mundial com revisões dos compromissos de redução de emissões de cinco em cinco anos. O ministro promete apostar na mobilidade sustentável e na reabilitação urbana. E, sustentou que o objetivo de Portugal é um futuro sem emissões de carbono.

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.