sicnot

Perfil

Caso das Viagens

Caso das Viagens

Caso das Viagens

Autarca de Sines de "consciência tranquila" com viagem a convite da Galp

O presidente da Câmara Municipal de Sines justificou esta quarta-feira a viagem a França a convite da Galp pelas "boas relações institucionais existentes com o responsável" da refinaria da empresa instalada no concelho, assegurando estar de "consciência tranquila".

"Este convite foi aceite a título particular, mas também enquanto representante deste município, na sequência das boas relações institucionais existentes com o responsável daquela unidade, que gera significativa riqueza e postos de trabalho no concelho", justifica o autarca, Nuno Mascarenhas, numa nota enviada à agência Lusa.

No mesmo documento, Nuno Mascarenhas assegura que mantém "o empenho, a independência e a imparcialidade com que sempre tem defendido os interesses da população de Sines" e que está "de consciência tranquila".

O autarca defende-se ainda argumentando que "a polémica gerada sobre esta questão surge no seio do combate político nacional, a que o município de Sines e os seus representantes são alheios".

Também a Câmara de Santiago do Cacém justificou, na quarta-feira, a viagem do presidente do município a Lyon, em França, para o jogo da seleção nacional contra a Hungria no campeonato europeu de futebol, a convite da Galp, com as "relações institucionais" que a autarquia mantém com a empresa.

Com muitos dos trabalhadores da refinaria da Galp, instalada no complexo industrial de Sines a residir no concelho de Santiago do Cacém, a autarquia assina anualmente protocolos com a empresa, que visam "apoios anuais a grupos desportivos e culturais".

"Não existe, contudo, nenhuma dependência de ordem financeira, económica, ou qualquer outra, que ponha em causa a isenção da Câmara Municipal de Santiago do Cacém em relação à empresa Galp Energia", pode ler-se no comunicado enviado pelo município à agência Lusa.

Além dos dois autarcas, a convite da Galp viajaram para França, para assistir a um jogo da seleção nacional no campeonato europeu de futebol, os secretários de Estado dos Assuntos Fiscais, Fernando Rocha Andrade, da Indústria, João Vasconcelos, e da Internacionalização, Jorge Costa Oliveira, uma situação que tem gerado polémica desde que veio a público, mas que o Governo considerou encerrada com o reembolso dos valores das viagens por parte dos membros do executivo.

Lusa

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52