sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Governo português garante solidariedade para acolher "em torno" de 1.500 refugiados

O ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares assegurou hoje que Portugal "tem estado na primeira linha da solidariedade europeia", confirmando a previsão de acolhimento de cerca de 1.500 refugiados de guerra do Médio Oriente.

Questionado sobre o assunto, o ministro da Presidência, Luís Marques Guedes, diz que os processos não foram aprovados no Conselho de Ministros de hoje porque estão ainda em curso.

Questionado sobre o assunto, o ministro da Presidência, Luís Marques Guedes, diz que os processos não foram aprovados no Conselho de Ministros de hoje porque estão ainda em curso.

MIGUEL A. LOPES / Lusa

Após a reunião do Conselho de Ministros, em Lisboa, Marques Guedes recordou a aprovação, há 15 dias, da estratégia para auxílio humanitário, por parte do executivo da maioria PSD/CDS-PP, incluindo os ministérios dos Negócios Estrangeiros, Defesa Nacional, Administração Interna, Saúde e Segurança Social.

"O número andará em torno desse valor [de 1.500 refugiados]", afirmou o responsável governamental, ressalvando que "a decisão tem de ser tomada a nível europeu" e que o contingente de refugiados que caberá a Portugal "é o que vier a ser decidido a nível europeu", garantindo que o país está preparado para responder àquela "tragédia humanitária, que tem assumido contornos inacreditáveis".

Dezenas de milhares de refugiados dos conflitos bélicos em diversas regiões do Médio Oriente, sobretudo sírios e iraquianos, além de afegãos, cruzaram a zona dos Balcãs nas últimas semanas tentando chegar à Europa Ocidental.

A Hungria, que tem fronteira com a Sérvia, é o primeiro país da zona de livre circulação comunitária, Schengen, a partir da qual os refugiados tentam chegar a outros países, sobretudo Alemanha e Suécia.

Lusa

  • O resgate dos passageiros do naufrágio em Cascais
    1:48
  • É importante que "as pessoas não tenham medo" de denunciar o tráfico humano
    0:48

    País

    Manuel Albano, relator nacional para o tráfico de pessoas, concorda com a ideia de que é necessário continuar a investir na inspeção e na fiscalização para travar o tráfico de seres humanos, mas rejeita a denúncia do sindicato dos trabalhadores do SEF, que esta quinta-feira alertou para a "falta de controlo".

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
  • Salas de consumo assistido previstas na lei há 17 anos
    3:01
  • O que faz um guaxinim às duas da manhã num quartel de bombeiros?

    Mundo

    Os animais são muitas vezes os protagonistas de histórias incríveis ou até insólitas. Desde o cão mais pequeno ao urso mais assustador. Desta vez, o principal interveniente é um guaxinim, que foi levado até um quartel de bombeiros por uma dona muito preocupada. Porquê? O animal estava sob o efeito de drogas.

    SIC

  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC

  • Presidente do Uganda quer proibir sexo oral

    Mundo

    O Presidente do Uganda emitiu um aviso público durante um conferência de imprensa anunciando que vai banir a prática de sexo oral no país. Yoweri Museveni justifica o ato, explicando que "a boca serve para comer".

    SIC