sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Líderes europeus acordam aumento da ajuda a países vizinhos da Síria

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, anunciou hoje que os líderes da União Europeia (UE) vão aumentar a ajuda aos países vizinhos da Síria e mobilizar mil milhões de euros para as organizações que ajudam os refugiados.

© Zohra Bensemra / Reuters

"Vamos poder mobilizar 1.000 milhões de euros adicionais para ajudar os refugiados através do Programa Alimentar Mundial e o Alto Comissariado da ONU para os Refugiados", disse Tusk numa conferência de imprensa no final da cimeira extraordinária de chefes de Estado e de governo.

"Vamos aumentar a ajuda ao Líbano, Jordânia, Turquia e outros países da região", disse.

Tusk destacou também a necessidade de "corrigir a política de portas e janelas abertas e reforçar a proteção das suas fronteiras".

O presidente do Conselho Europeu disse também que os centros de registo de refugiados e migrantes vão estar a funcionar "até ao fim de novembro".

Lusa

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "Situação humanitária dos civis em Ghouta é aterradora"
    0:49

    Mundo

    O enviado especial da ONU para a Síria lançou esta sexta-feira um novo apelo a um cessar-fogo. O responsável está particularmente preocupado com a situação da população civil e diz que é preciso evitar que se repita em Ghouta o que se passou em Alepo.

  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05
  • Instantes de uma noite de futebol europeu
    0:41
  • Não dá mais, Brasil!
    18:00