sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Afegão morto quando atravessava fronteira para entrar na Bulgária

Um migrante afegão foi atingido a tiro, por uma bala de aviso disparada pela polícia, quando tentava atravessar a fronteira entre a Bulgária e a Turquia na noite de quinta-feira. Acabou por morrer a caminho do hospital, revelou o Ministério do Interior búlgaro.

© Stoyan Nenov / Reuters

"Um grande grupo de migrantes ilegais tentou entrar na Bulgária através da fronteira com a Turquia. Um homem levou um tiro durante o incidente e acabou por morrer quando estava a ser transportado para o hospital", afirmou o porta-voz do Ministério do Interior em declarações à agência de notícias francesa AFP.

O incidente aconteceu perto da fronteira a sudoeste da Bulgária, próximo da cidade de Sredets, acrescentou aquela fonte citada pela AFP.

A vítima viajava com cerca de meia centena de refugiados com idades entre os 20 e os 30 anos. As autoridades dizem que o grupo ofereceu resistência e um deles acabou por ser atingido por uma bala que fez ricochete.

Este caso está a ser investigado e já obrigou ao regresso antecipado do primeiro-ministro búlgaro que estava em Bruxelas para a Cimeira de líderes e chefes de estado da União Europeia.

Na travessia ferroviária do Canal da Mancha também morreu mais um migrante. Foi colhido por um comboio de mercadorias perto de Calais, em França.
O corpo foi descoberto pelos bombeiros na estação de Coquelles, no norte do país.

Ainda não foi possível identificar a vítima. Desde junho, já morreram 16 pessoas no Túnel da Mancha, na tentativa de chegar ao Reino Unido.

Com Lusa

  • Alemães protestam contra a Extrema-Direita
    0:39
  • Incêndio urbano em Coimbra deixa cinco pessoas desalojadas

    País

    Um incêndio numa habitação na cidade de Coimbra deixou este domingo cinco pessoas desalojadas, disse à agência Lusa fonte dos Bombeiros Sapadores. Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra adiantou que o fogo destruiu uma parte substancial de um edifício de três andares em frente à sede da Associação Académica de Coimbra, na rua Padre António Vieira.