sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

UE pede a todos os países um maior controlo dos fluxos de pessoas

A União Europeia (UE) apelou hoje ao abandono, por todos os países envolvidos, de uma abordagem facilitista de deixar passar sem qualquer controlo as pessoas pelos seus territórios, no âmbito da crise migratória.

(Arquivo/AP)

(Arquivo/AP)

BULENT KILIC

Numa declaração conjunta hoje divulgada, a presidência holandesa da UE e a Comissão Europeia salientam que "todos os países envolvidos têm a responsabilidade e a obrigação de respeitar as regras europeias ", apelando a que se acabe a abordagem facilitista de deixar passar todos os migrantes, salientando que estas decisões têm repercussões nos países vizinhos.

Na declaração, as duas partes mostram-se ainda preocupadas "com os desenvolvimentos ao longo da rota dos Balcãs e com a crise humanitária que pode desencadear-se em alguns países, especialmente na Grécia", situações que acompanham de perto.

"Apelamos a todos os países e agente ao longo da rota que preparem planos de contingência para responder às necessidades", enquanto a Comissão Europeia se reitera disponível para prestar todo o auxílio necessário, incluindo a coordenação da gestão das fronteiras.

Na quinta-feira, a crise dos refugiados vai ser debatida num conselho de ministros da Administração Interna, em que Portugal estará representado pela ministra Constança Urbano de Sousa.

Em março, em data ainda a definir, haverá uma nova cimeira UE-Turquia sobre a questão.

Lusa

  • "Toda a transparência" para os "amigos portugueses"
    0:54
  • Turistas à volta da lua em 2018
    1:21
  • Bastidores do sambódromo: um espétaculo à parte
    3:22

    Mundo

    Por detrás da alegria do desfile das escolas de samba, há a tensão e a adrenalina dos bastidores do sambódromo. A preparação antes da entrada na avenida é um espetáculo à parte como mostra a correspondente da SIC, no Rio de Janeiro, Ivani Flora

    Correspondente SIC

  • SIC revela relatório que provava falência do GES
    2:06