sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Tribunal autoriza evacuação de metade do campo de Calais

O tribunal administrativo de Lille, norte de França, autorizou hoje a evacuação de metade do campo de migrantes de Calais, contestado na justiça por migrantes e associações humanitárias, segundo fonte das autoridades locais citada pela agência France Presse. "Está tudo validado", disse a fonte.

© Pascal Rossignol / Reuters

As autoridades locais tinham ordenado a evacuação da metade sul do campo, que ficou conhecido como "Selva", a partir de terça-feira à noite, mas o prazo foi suspenso pelo tribunal até ao anúncio de uma decisão judicial.

Cerca de 4.000 migrantes, oriundos sobretudo da África subsaariana, vivem em condições muito precárias no campo, à espera de uma oportunidade para atravessar clandestinamente o Canal de Mancha e chegar ao Reino Unido.

Segundo a prefeitura de Calais, o despejo afeta "800 a 1.000" pessoas, mas a organização britânica "Help Refugees" aponta "3.450 pessoas, entre as quais 300 menores desacompanhados".

Os migrantes afetados terão de se mudar para um centro de acolhimento provisório aberto em janeiro na parte norte da "Selva" ou para outros centros de acolhimento noutras localidades de França.

Segundo representantes de várias organizações de apoio aos migrantes, estas soluções "não são suficientes" porque não há lugar para todos.

Lusa

  • Resgate de mais de 300 migrantes no Mediterrâneo
    2:08
  • 10 Minutos com Eurico Reis
    11:20

    10 Minutos

    Há quatro meses que Portugal é um dos poucos países europeus onde é possível recorrer à gestação de substituição. E há já um casal que teve luz verde para começar os tratamentos. Para um balanço, foi nosso convidado Eurico Reis, juiz desembargador e presidente do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida, a entidade que autoriza os processos de gestação de substituição.

    Entrevista completa

  • Parlamento discute utilização de animais no circo
    2:01