sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Primeiro-ministro turco refere-se a dia histórico após acordo com UE

O primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, referiu-se hoje a "um dia histórico" após ter assinado um acordo sobre a crise das migrações e dos refugiados com os 28 Estados-membros da União Europeia (UE).

© Francois Lenoir / Reuters

"É um dia histórico porque alcançámos um acordo muito importante entre a Turquia e a UE", declarou Davutoglu no decurso de uma conferência de imprensa em Bruxelas.

"Hoje concluímos que a Turquia e a UE possuem o mesmo destino, os mesmos desafios e o mesmo futuro", assegurou.

O acordo firmado inclui medidas inéditas e controversas, com a mais significativa a consistir no reenvio para a Turquia de todos os novos migrantes irregulares que chegarem a Grécia a partir de 20 de março, incluindo os requerentes de asilo.

A UE compromete-se em acolher um refugiado sírio proveniente de território turco por cada sírio readmitido na Turquia a partir da Grécia, uma decisão justificada pela necessidade de os demover da perigosa travessia em embarcações controladas pelos traficantes.

Em troca, a Turquia obteve a promessa da liberalização dos vistos para os cidadãos turcos que pretendem deslocar-se aos países da União, a duplicação da ajuda dos refugiados para 6 mil milhões de euros -- a Turquia acolhe cerca de 2,7 milhões de sírios --, e o relançamento das negociações de adesão com a abertura de um novo capítulo (Finanças e orçamento).

Assim, serão deportados todos os imigrantes que não pretendam solicitar um pedido asilo ou não cumpram os requisitos para receber esse estatuto.

A Turquia e a Grécia, apoiadas pelas instituições e agências da UE, tomarão as medidas necessárias para assegurar que o sistema funcione na prática.

A UE compromete-se a cumprir os custos das operações de retorno.

O acordo inclui o chamado mecanismo "um por um", pelo qual por cada sírio devolvido à Turquia a UE compromete-se a aceitar por vias legais um outro sírio proveniente desse país, e indica que o processo será concretizado de acordo com os critérios de vulnerabilidade da ONU e que concedem prioridade às pessoas mais frágeis, incluindo mulheres e crianças.

O acordo concede ainda prioridade a todos os imigrantes que não tentam entrado ou tentado entrar previamente no espaço da União.

Lusa

  • "Cada drama, cada problema, cada testemunho, impressiona muito"
    1:55
  • Clínica veterinária em Tondela recebeu dezenas de animais feridos nos fogos
    2:57
  • Temperaturas sobem até ao final do mês
    1:09

    País

    O tempo não dá tréguas e, até ao final do mês, as temperaturas vão atingir valores acima do normal para esta época do ano. As temperaturas máximas vão subir entre os 25 e os 32 graus. O risco de incêndio aumenta a partir desta segunda-feira em todo o país e os meios aéreos, viaturas, operacionais e equipas de patrulha vão ser reforçados.

  • Parlamento catalão vai responder à ativação do artigo 155
    1:54
  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC

  • Quando o cão de Macron fez chichi no gabinete do Presidente francês
    0:31
  • 245 saltam de ponte de 30m no Brasil para Recorde do Guiness
    1:56
  • Antigos presidentes dos EUA angariam 26 milhões para vítimas dos furacões
    0:58

    Mundo

    Os cinco antigos presidentes dos Estados Unidos da América ainda vivos juntaram-se para ajudar as vítimas dos furacões. Bill Clinton e Barack Obama lembraram as vítimas dos furacões e elogiaram o espírito solidário dos norte-americanos. Os antigos presidentes norte-americanos lançaram o apelo no início do mês passado e já conseguiram angariar cerca de 26 milhões de euros.